Aversão ao risco motivado pela alta do dólar impactou no Brasil

  •  
Aversão ao risco motivado pela alta do dólar impactou no Brasil (Foto: Pexels) Aversão ao risco motivado pela alta do dólar impactou no Brasil

O contrato futuro de índice (WINV19 ) fechou a segunda-feira, 19, com queda de 0,71%. Mesmo com bolsas americanas e europeias em alta, a aversão ao risco motivado pela alta do dólar impactou diretamente no Brasil.

De acordo com analistas da Toro Investimentos, sobre os contratos futuros de dólar (WDOU19), o ativo encerrou o pregão de ontem com alta expressiva de 1 ,70 % , atingindo a maior cotação desde maio deste ano . Eric Rosengren, do Fed de Boston, disse que não vê evidências de que a economia dos EUA caminhe para algo mais do que uma desaceleração. Além disso, Donald Trump disse que as conversas com a China estão indo muito bem, fatos que fortaleceram a moeda globalmente.

Política

Com a reforma da Previdência bem encaminhada, o governo tenta dar os primeiros passo para a aprovação de medidas que visam melhorar o desempenho econômico no curto e médio prazo. No dia de hoje o assunto que deve permanecer em alta na Câmara é a reforma tributária. A principal ideia da reforma tributária é a unificação de cinco tributos (PIS, Cofins, IPI, ICMS e ISS) em um único, intitulado Imposto sobre Bens e Serviços (IBS).

Empresas

A maior acionista da Oi, a gestora de investimentos GoldenTree Asset Management, que detém 14 ,57 % de participação, manifestou preocupação com as finanças da operadora e pediu a troca do presidente executivo. Dessa forma, o conselho deve nomear um CEO que possa implementar a reestruturação operacional e buscar e oportunidades de valor agregado em seu plano estratégico.

Destaque para Magazine Luiza que teve seu preço -alvo elevado para R $ 40. O aumento leva em conta a compra da Netshoes e dos dobalanço do segundo trimestre.

Ativos em destaque

CCRO3
Preço de compra. R$ 15,70

(Redação – Investimentos e Notícias)