B3 recebe o primeiro ETF internacional de ouro do Brasil

  •  
B3 recebe o primeiro ETF internacional de ouro do Brasil Foto: Divulgação

A B3 passou a negociar, na última segunda-feira (14), o terceiro ETF internacional e primeiro de ouro do Brasil. O GOLD11, que investe em cotas de um ETF do exterior, nesse caso o iShares Gold Trust (IAU), da BlackRock, listado na bolsa americana NYSE, que replica o desempenho da carteira teórica de ativos do índice LBMA Gold Price.

O produto desenvolvido pela XP Inc., tem suas cotas negociadas na B3 de forma semelhante às ações. Porém, ao adquirir tais cotas, o investidor, indiretamente, passa a deter todos os ativos que compõem a carteira teórica do LBMA. Dessa forma, o GOLD11 proporciona mais eficiência aos investidores que buscam diversificação no setor.

Segundo Mario Palhares, diretor de Produtos Listados da B3, a chegada do primeiro ETF de ouro marca mais um avanço para o mercado, uma vez que é o primeiro com essa estrutura na bolsa brasileira. “Temos repetido muito que a diversificação é o caminho para um portfólio forte e robusto, por isso, entendemos que a listagem desse ETF proporciona aos investidores mais uma opção de investimento”, comenta.

O GOLD11 oferece uma série vantagens aos investidores, tais como liquidez – uma vez que pode ser negociado em bolsa e pode ser comprado e vendido como se fosse uma ação – diversificação – com apenas uma transação o ETF proporciona o investimento em carteira variada de ativos – e transparência – com a divulgação diária da composição da carteira do índice e formação de preço em bolsa.

(Redação - Investimentos e Notícias)