Cruzeiro do Sul Educacional faz IPO no Novo Mercado da B3

  •  
Cruzeiro do Sul Educacional faz IPO no Novo Mercado da B3 Foto: Divulgação.

A Cruzeiro do Sul Educacional (ticker CSED3), um dos maiores grupos privados de ensino superior do Brasil, concluiu hoje (11) sua oferta pública inicial (IPO) na B3.

Transmitido ao vivo e atendendo às medidas de distanciamento social impostas pela pandemia, o evento contou com a participação do presidente da B3, Gilson Finkelsztain e do presidente e fundador da Cruzeiro do Sul Educacional, professor Hermes Ferreira Figueiredo, conectados com os demais executivos da Companhia e conselheiros de administração.

'O IPO da Cruzeiro do Sul Educacional marca, depois de um hiato de quase uma década, a volta de um setor muito tradicional na bolsa e tão essencial para o futuro do nosso Brasil e das nossas pessoas. Essa oferta também transmite uma mensagem extremamente forte e importante para o mercado, de que o atual ciclo de IPOs não está restrito a setores ou perfis específicos de companhias', comentou Gilson Finkelsztain, presidente da B3.

"Estamos em um setor que move o Brasil. São 6 milhões e 600 mil alunos na rede privada, isso é quase 80% do sistema de educação superior no Brasil. Diante disso, podemos afirmar que o sistema privado é o que forma os profissionais qualificados no nosso país, e estamos muito felizes com esse novo passo do grupo', comemorou Fábio Ferreira Figueiredo, Diretor de RI e acionista da Cruzeiro do Sul Educacional.

'Desde a fundação da Cruzeiro do Sul Educacional, em 1965, muita coisa mudou. Mesmo nos tornando o 4º maior grupo educacional do Brasil, ainda mantemos nossa essência, por sermos uma empresa fundada e administrada por educadores e profissionais comprometidos com a causa da educação, que é a mola propulsora do desenvolvimento econômico e da realização pessoal e profissional', Prof. Dr. Renato Padovese, Diretor Acadêmico e acionista da Cruzeiro do Sul Educacional.

Com o IPO, a Cruzeiro do Sul Educacional torna-se a 6ª companhia do setor de serviços educacionais listada na B3. A Oferta foi feita nos termos da ICVM 400 sob a coordenação do BTG Pactual (Coordenador Líder), do Bradesco BBI, do Bank of America, do Morgan Stanley e do Santander (Coordenadores da Oferta).

Os recursos captados pela oferta da Cruzeiro do Sul Educacional serão utilizados pela Companhia para realização de operações de fusões e aquisições, bem como em investimentos para expansões. Com a realização de seu IPO, o grupo passa a ser a 173ª empresa listada no Novo Mercado, segmento com os mais elevados padrões de governança corporativa.

(Redação - Investimentos e Notícias)