Ibovespa se recupera de fortes perdas e fecha em alta de 1,15%

  •  
Ibovespa se recupera de fortes perdas e fecha em alta de 1,15% Foto: Divulgação

O Ibovespa, principal indicador de desempenho das ações negociadas na B3, voltou a se recuperar e fechou a sexta-feira, 28, em alta, após quedas significativas nas sessões anteriores. O índice brasileiro encerrou o pregão com valorização de 1,15%, aos 104.171,57 pontos, mas terminou a semana acumulando forte queda de 8,37%. No mês, o indicador também acumulou perdas, de 8,43%. O volume financeiro somou R$ 39,929 bilhões.

 

A bolsa paulista se segurou com as ações de bancos, mas ainda refletiu as tensões dos mercados internacionais sobre o grande risco de propagação do novo coronavírus em vários países.

Dentre as ações que compõem o Ibovespa hoje, os papéis que tiveram as maiores altas foram: MRV, alta de 7,26%, Cielo, ganho de 5,55%, e Raia Drogasil, valorização de 4,34%.

As maiores baixas foram registradas pelas empresas: Totvs, queda de 3,57%, Gol, recuo de 3,03%, e IRB Brasil, baixa de 2,58%.

Os papéis mais negociados foram das empresas: Petrobras PN (0,16%) Itaú Unibanco (2,99%) e Vale (-0,36%).

(Redação - Investimentos e Notícias)