TIM segue na carteira do ISE - B3 pelo 13º ano consecutivo

  •  
TIM segue na carteira do ISE - B3 pelo 13º ano consecutivo Foto: Divulgação TIM segue na carteira do ISE - B3 pelo 13º ano consecutivo

Comprometida com as melhores as práticas ambientais, sociais e de governança (sigla ESG, em inglês), a TIM confirma, pelo 13º ano seguido, sua participação no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3. A operadora é a empresa de telecomunicações por mais anos consecutivos na lista, além de integrar – desde setembro – um novo índice de sustentabilidade da Bolsa brasileira, o S&P/B3 Brasil ESG.

“Mesmo antes do termo ESG entrar em evidência, a TIM já atuava com total foco nessas premissas, sempre enxergando muito além do conceito de sustentabilidade. Entendemos que uma gestão alinhada aos princípios ambientais, sociais e de governança é baseada em atitudes proativas, e não em iniciativas que visam somente corrigir possíveis impactos negativos do negócio. Por isso, seguimos há tanto tempo no ISE e fomos selecionados com destaque para o novo índice ESG da B3 há três meses”, ressalta Mario Girasole, VP de Assuntos Regulatórios e Institucionais da TIM.

O processo de avaliação da nova carteira do ISE considera temas como energia e diversidade. A TIM tem metas de longo prazo alinhadas aos objetivos globais do seu Grupo, como a redução em 70% das emissões indiretas até 2025 e o compromisso de ser “carbono neutro” até 2030. Além disso, a operadora vem evoluindo de forma consistente na jornada de inclusão, com a criação de uma gerência específica para esse tema em Recursos Humanos e dos grupos de afinidade que reúnem cerca de 500 colaboradores para mapear e colaborar na implementação de ações nas temáticas de gênero, raça, pessoas com deficiência, LGBTI+ e gerações.

O Índice de Sustentabilidade Empresarial analisa também diversos aspectos econômico-financeiros, de governança e transparência. A participação na carteira destaca as ações da TIM dentre as opções de investimento em um cenário onde cada vez mais os investidores estão alinhados com as práticas ESG e buscando empresas com este compromisso.

“O ISE comemora 16 anos e estamos na carteira há 13. É um importante reconhecimento, principalmente no momento atual, onde a temática ESG ganha cada vez mais relevância no mercado financeiro, impulsionada, principalmente, pela pandemia de Covid-19. A TIM integra ainda outros índices e ratings, nacionais e internacionais, e – em 2021 – completa 10 anos no Novo Mercado, maior nível de governança corporativa da bolsa de valores brasileira”, completa Adrian Calaza, CFO da TIM.

A nova carteira do ISE foi divulgada nesta quarta (02) e reúne 46 ações de 39 companhias, que apresentam alto grau de comprometimento com sustentabilidade e governança corporativa. O indicador soma R$ 1,8 trilhão em valor de mercado.

(Redação - Investimentos e Notícias)