INMET abre concurso com 242 vagas

  •  
INMET abre concurso com 242 vagas Foto: Divulgação INMET abre concurso com 242 vagas
O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) publicou o edital de concurso público para a contratação de 242 profissionais de níveis médio, médio-técnico e superior. Do total de oportunidades, 17 são destinadas a pessoas com deficiência e 45 a candidatos negros.

A carreira na área de pesquisa em Ciência e Tecnologia dispõe de oportunidades para pesquisador assistente, adjunto e associado. As ofertas são nas especialidades de meteorologia (23), estatística (2), hidrologia (2), ciência da computação (3), sensoriamento remoto (2) e agronomia (2).

A classe de pesquisador assistente exige mestrado e oferece remuneração de R$ 8.046,93. A modalidade de pesquisador adjunto requer candidatos com doutorado e paga R$ 11.483,49. Já para atuar como pesquisador associado do INMET e ganhar R$ 11.993,69 é necessário ter doutorado e experiência mínima de três anos em pesquisas na área específica.

Carreira de gestão, planejamento e infraestrutura em ciência e tecnologia

Os interessados em atuar na carreira de Gestão, Planejamento e Infraestrutura em Ciência e Tecnologia encontram chances nos níveis superior e intermediário (ensino médio-técnico). Para os profissionais com ensino superior, o concurso do Inmet oferece vagas nos postos de analista, tecnologia e tecnologista nas modalidades júnior, pleno I e pleno II. A modalidade júnior exige apenas graduação na área específica e apresenta vencimentos de R$ 5.532,73. O nível pleno I pede mestrado e oferece salário de R$8.046,93. Já o nível pleno II requer doutorado e paga R$11.483,49.

As vagas para candidatos graduados estão distribuídas do seguinte modo: analista júnior em meteorologia (17), tecnologia em meteorologia (4), telecomunicações (3), estatística (1), jornalista (1), publicitário (1), administrador (10), advogado (3), contador (2), economista (2), tecnologista em meteorologia (39), análise de TI (11) e engenharia (2).

As oportunidades para concorrentes com nível médio e técnico concentram-se nos empregos de assistente I (R$ 3.045,83), técnico I (R$ 3.045,83) e técnico II (R$ 3.700,90). Os profissionais podem trabalhar nas especialidades de meteorologia (14), TI (1), contabilidade (13), administrativo (18), informática (35), laboratório (2), eletrônica (19) e operador (10).

A jornada de trabalho para todos os cargos é de 40 horas semanais.

Lotação
As vagas do concurso do Inmet estão distribuídas em 10 capitais do país e no Distrito Federal de acordo com o seguinte: Brasília/DF (165 vagas), Manaus/AM (9), Belém/PA (9), Recife/PE (11), Salvador/BA (5), Belo Horizonte/MG (8), Rio de Janeiro/RJ (5), São Paulo/SP (11), Porto Alegre/RS (8), Cuiabá/MT (6) e Goiânia/GO (5).

Inscrições
O edital do concurso do INMET informa que as inscrições estariam abertas no período de 25 de março a 23 de abril pelo site da Consulplan Consultoria e Planejamento em Administração Pública (www.consulplan.net), porém, até o presente momento, o endereço eletrônico ainda não disponibilizou o link de inscrições para o certame. Sendo assim, esse período de inscrições deve ser retificado em breve em nova publicação.

As taxas de inscrição no concurso são de R$ 22,50 para o nível intermediário e de R$ 45 para nível superior.

Processo seletivo
A seleção dos inscritos será realizada por meio de provas objetivas e discursivas para todos os cargos. O teste objetivo terá 50 questões de múltipla escolha sobre língua portuguesa, raciocínio lógico, conhecimentos gerais e específicos. Os cargos de nível médio-técnico também responderão perguntas sobre informática.

Já a avaliação discursiva será composta por um estudo de caso para os postos de nível superior e de uma redação sobre um tema da atualidade para as funções de nível intermediário.

Os exames escritos têm data de aplicação prevista para o dia 21 de junho, com duração de quatro horas, nas mesmas capitais da federação onde as vagas estão distribuídas.

O concurso do INMET também contará com prova de títulos para os postos de nível superior.

(Redação - Agência IN)