Rede de franquias Miss Pink comemora abertura de 65 unidades

Rede de franquias Miss Pink comemora abertura de 65 unidades Foto: Divulgação Rede de franquias Miss Pink comemora abertura de 65 unidades

O atual momento econômico do Brasil tem impulsionado o aumento de empreendedores. Muitos brasileiros desempregados aproveitaram as verbas rescisórias para abrir o próprio negócio e conquistar a tão sonhada autonomia. Neste cenário, as microfranquias têm despontado como uma boa alternativa para aqueles que não dispõem de tanto dinheiro para investir.

A Miss Pinkwww.misspinkbrasil.com.br - surgiu em 2013 antecipando essa tendência de mercado através de uma franquia itinerante de beleza, que dispensa funcionários e ponto fixo. Hoje, a empresa, que foi uma das pioneiras neste modelo de negócio, é a franquia de cosméticos com o custo mais acessível do Brasil, segundo a Serasa Experian. A rede comercializou 65 unidades desde sua abertura e faturou R$3 milhões em 2015. Neste ano a previsão é alcançar receita de R$5 milhões. A pesquisa do Serasa também enalteceu a Miss Pink como um negócio sólido, sendo que entre as franquias da área de beleza do país, foi a única que não fechou unidades, diferentemente de outras grandes redes do mercado que chegaram a fechar centenas de pontos de venda.

Negócio assertivo

Criada pela paranaense Maitê Pedroso, a rede dispensa um ponto fixo comercial e permite que seu franqueado trabalhe onde desejar. Outro motivo que atrai pessoas que querem empreender é o baixo investimento inicial, de R$25 mil, que pode ser parcelado em até 12 vezes no cartão de crédito ‘‘Como as franquias convencionais demandam altos custos, principalmente com ponto comercial e funcionários, quis ir na contramão, oferecendo uma solução móvel, que pode ser levada para clinicas de estética, salões de beleza, estações de metrô ou até mesmo em casa’’, explica Maitê. Ainda segundo a CEO da Miss Pink, quando criou a franquia no formato flexível ainda não era comum no Brasil. ‘‘ Neste ano, muitos empresas com formatos semelhantes surgiram, uma prova de que fomos assertivos e que estamos caminho certo’’.

Em 2015 a Miss Pink abriu 45 unidades. ‘‘Vemos grandes marcas do setor fecharem suas franquias, enquanto a Miss Pink, com um modelo de negócio de baixo custo e lucrativo, não fechou nenhuma franquia desde a sua criação. Nossa expectativa é chegar a cem unidades comercializadas até o fim de 2016’’.

Fonte de renda

Entre os franqueados da Miss Pink, há pessoas que atuam em outras áreas e encontram na marca uma opção para complementar a renda, como é o caso da médica Simone Santos, que trabalha como plantonista em um hospital e recentemente adquiriu uma franquia. “Concretizei um sonho antigo, pois sempre quis empreender na área da beleza. Por diversas vezes, quando atendia pacientes, no lugar de receitar um remédio, minha vontade era receitar um batom novo ou um blush.”, conta. O setor de beleza e cosméticos também é um dos pontos fortes da marca, já que atualmente é um dos segmentos mais promissores para investimentos. Para Maitê Pedroso, o motivo é claro. “Ninguém abre mão de cuidar da aparência. As pessoas que aderem a franquia têm o privilégio de atuar em um setor blindado contra qualquer crise. Nossa meta é fechar 2016 com 100 franquias vendidas”.

Raio-x da Franquia
Segmento de atuação: Esporte, saúde, beleza e lazer
Fundação: 2013
Início do franchising: 2015
Número de unidades: 65
Investimento inicial: R$ 25 mil
Taxa de franquia: R$ 15 mil
Expositor/loja: R$ 7 mil
Estoque de produtos: R$ 3 mil
Capital de giro: não é necessário
Royalties: R$ 900 por ano e apenas após os 12 primeiros meses
Taxa de publicidade: não cobra
Nº mínimo de funcionários: não tem funcionários
Faturamento médio mensal: média de R$ 15 mil
Lucro líquido médio mensal: de 30% a 50%
Prazo de retorno: de 3 a 12 meses
Prazo de contrato: 12 meses
Site: www.misspinkbrasil.com.br
E-mail:O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo." target="_blank"> O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo." target="_blank">

(Redação - Agência IN)