Ibovespa apresenta ganhos no último pregão da semana

  •  
Ibovespa apresenta ganhos no último pregão da semana    (Foto; Divulgação) Ibovespa apresenta ganhos no último pregão da semana

Nesta sexta-feira, 03, o principal índice acionário da BM&FBovespa, o Ibovespa, apresenta ganhos, com investidores avaliando dados globais e pesquisa eleitoral divulgada ontem. Há pouco, o índice, valorizava 0,68%, aos 53.880 pontos. O giro financeiro da bolsa marcava R$ 1.927 bilhões.

Entre as oscilações positivas em destaque na sessão estão os papéis da Usiminas (ON) que avançavam 5,90% e a CCR (ON) que apresentavam alta de 3,24%. Em contrapartida, entre os destaques negativos, estão os papéis da Vale (ON), que recuavam 1,96% e a Vale (PNA) que apresentavam revés de 1,73%.

Sem indicadores internos, os investidores devem avaliar pesquisa eleitoral divulgada na noite de ontem. A pesquisa Datafolha mostra a candidata do PT à reeleição, Dilma Rousseff, com 40% das intenções de votos. Marina Silva, do PSB, aparece com 24%, e Aécio Neves, do PSDB, com 21%. Na pesquisa anterior, apresentada dia 30, Dilma tinha 40%, Marina, 25%, e Aécio, 20%.

No exterior o destaque fica por conta dos Estados Unidos. Hoje, o Departamento de Trabalho anunciou que a taxa de desemprego no país registrou em setembro uma queda surpreendente e ficou no menor nível em seis anos. Além disso, a criação de empregos aumentou. No total, 248.000 empregos foram criados no mês passado e a taxa de desemprego caiu 0,2%, para registrar o índice de 5,9%.

Entretanto, o déficit comercial dos Estados Unidos retrocedeu levemente em agosto, surpreendendo os analistas, graças a um aumento das exportações maior que das importações. O número se situou em US$ 40,1 bilhões em dados corrigidos de variações sazonais, observando uma diminuição de 0,5% em relação a julho.

Por outro lado, as vendas no varejo na Área do Euro aumentaram 1,2% em agosto em relação a julho, quando tinham recuado 0,4%, superando as projeções do mercado, que apontavam para crescimento mais modesto, de 0,1%.

Para finalizar, o índice PMI do setor de serviços da Área do Euro chegou a 52,4 pontos em setembro, recuando ante agosto (52,8) e ficando levemente abaixo do esperado (52,8).

(MR – Agência IN)