Investidores abandonam a poupança

  •  
Investidores abandonam a poupança (Foto: Divulgação) Investidores abandonam a poupança

É fácil entender porque a poupança acumula uma captação negativa de R$ 32 bilhões no ano. Um investimento que está perdendo para a inflação fica sem argumentos para atrair novos aportes. Nem mesmo o sentimento de que poupança traz segurança está fazendo com que as pessoas deixem de realizar saques em busca de aplicações mais rentáveis e com o mesmo nível de confiabilidade.

A TOV Corretora possui mais 30 mil clientes (contando todas as áreas da corretora) e está investindo fortemente na distribuição de fundos de terceiros. Esse nicho se tornou tão importante para as corretoras, que a TOV resolveu aprimorar a gestão dos fundos próprios por meio de sua Asset. No último mês seu fundo TOV Jerusalém rentabilizou 1,26% ou 130% no CDI. Posicionado apenas em Letras Financeiras do Tesouro (LFT) e operações a termo, oferece baixíssimo risco, aporte mínimo de R$ 500,00 e taxa de administração de 0,5%. “Temos fundos que se mantiverem o bom desempenho, podem chegar a entregar uma rentabilidade de 17% nos próximos 12 meses”, explica Pedro Afonso, Diretor de Investimentos da TOV Corretora.

O investidor que foge da poupança tem como principal preocupação a questão da segurança. Porém, o fundo fica custodiado num dos maiores bancos de varejo do país, ou seja, mesmo que aconteça qualquer problema com a corretora, o valor depositado está seguro. “Este é hoje um dos nossos melhores produtos para o investidor conservador que foge da poupança”, finaliza.

(Redação – Agência IN)