Investidores avaliam resultado da eleição nos EUA

  •  
Investidores avaliam resultado da eleição nos EUA (Foto: Divulgação) Investidores avaliam resultado da eleição nos EUA

Nesta quarta-feira, 09, as principais bolsas de valores globais devem apresentar perdas, com investidores avaliando o resultado da eleição nos Estados Unidos. Diante deste cenário, os índices europeus e o indicador futuro das bolsas norte-americanas operam em campo negativo.

“O candidato republicano Donald Trump foi eleito presidente dos Estados Unidos, após conquistar a maioria dos delegados necessária para sua nomeação. Resultados ainda preliminares já garantem ao menos 289 delegados a favor de Donald Trump (20 a mais do que o necessário para ser eleito), contra 218 delegados conquistados até aqui pela candidata democrata, Hillary Clinton”, disse Octavio de Barros, Diretor de Pesquisas e Estudos Econômicos do Bradesco.

Ásia

Na Ásia, os mercados encerraram o dia com significativas perdas, com destaque para a queda de 5,4% em Tóquio. 

Os indicadores de preços chineses referentes a outubro, divulgados ontem à noite, mostraram continuidade da aceleração da inflação no período. O índice de inflação ao consumidor subiu 2,1% em relação ao mesmo período do ano anterior, em linha com a mediana das projeções do mercado.

Europa

Enquanto isso, na Europa, as bolsas apresentam perdas nesta manhã.

Por lá, a balança comercial do Reino Unido registrou déficit de 12,698 bilhões de libras esterlinas em setembro deste ano, contra saldo negativo de 11,147 bilhões de libras esterlinas um mês antes, segundo informações divulgadas hoje pela agência de estatísticas da região, National Statistics.

Estados Unidos

Em Wall Street, o indicador futuro das bolsas norte-americanas aponta para uma abertura em campo negativo.

Brasil

Aqui no Brasil, o Ibovespa deverá acompanhar o desempenho externo.

Agenda

E abrindo a agenda de indicadores internos, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - IPCA de outubro variou 0,26% e ficou acima dos 0,08% de setembro, constituindo-se no menor índice para os meses de outubro desde 2000, quando registrou 0,14%, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 

Câmbio

Para finalizar, no mercado de câmbio, o dólar deverá apresentar ganhos em relação às demais moedas globais.

(MR – Agência IN)