Diferença entre tarifas bancárias pode chegar a 563,33%, revela Procon-SP

  •  
Diferenças entre tarifas bancárias chega a 563,33% (Foto: Divulgação) Diferenças entre tarifas bancárias chega a 563,33%

A Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania, realizou uma pesquisa sobre o valores de tarifas bancárias. Com isso, constatou que a diferença de valor entre os serviços prioritários pode chegar a 563,33%. Para o serviço “pagamento de contas” (pagamento de contas utilizando a função crédito do cartão), o menor valor praticado foi de R$ 3,00 pelo Banco do Brasil e o maior, de R$ 19,90 pelo Santander.

A pesquisa foi realizada com sete instituições financeiras: Banco do Brasil, Bradesco, CEF, HSBC, Itaú, Safra e Santander.  O objetivo foi verificar a evolução das tarifas bancárias e de comparar os valores praticados entre os bancos.

Na comparação efetuada entre as instituições financeiras pesquisadas referente aos Pacotes Padronizados I,II, III e IV; vigentes em 04/06/2014 e 10/07/2013 somente o Pacote Padronizado I sofreu redução no valor cobrado em dois bancos, sendo que a maior redução foi de 29,63% do banco HSBC. O valor médio do Pacote Padronizado I em 04/06/14 foi de R$ 9,73 e em 10/07/13 foi de R$ 10,31, significando uma redução de 5,68%. Os Bancos não alteraram os valores dos demais pacotes padronizados.

(MR – Agência IN)