Bradesco anuncia alienação no capital da Chain

O Banco Bradesco divulgou nesta quarta-feira, 15, que efetivou a alienação da totalidade da participação acionária detida no capital social da Chain Serviços e Contact Center S.A. (“Chain”) para a Almaviva do Brasil Telemarketing e Informática S.A., com o consequente fechamento da operação comunicada em 26 de setembro de 2019. A Chain tem como objeto social a prestação de atividades de call center.

Bradesco aprova pagamento de JCP complementares

O Banco Bradesco S.A., em consonância com o Fato Relevante divulgado em 9.12.2019, comunica aos seus acionistas e ao mercado em geral que os membros do Conselho de Administração aprovaram a proposta da Diretoria para pagamento de juros sobre o capital próprio complementares, no valor total de R$ 4.245.000.000,00, sendo R$ 0,503379600 por ação ordinária e R$ 0,553717560 por ação preferencial, beneficiando os acionistas que estiverem inscritos nos registros da Sociedade no dia 19.12.2019 (data da declaração), passando as ações a ser negociadas “ex-direito” aos juros complementares a partir de 20.12.2019.

Bradesco divulga cronograma de pagamento mensal de JCP

O Banco Bradesco S.A., em conformidade com a Sistemática de Pagamento Mensal de Juros sobre o Capital Próprio (Sistemática), informa o cronograma previsto de pagamento de juros sobre o capital próprio mensais para o exercício de 2020, aprovado pelo seu Conselho de Administração, conforme segue:

Ágora Corretora assumirá operações da Bradesco Corretora

O Banco Bradesco S.A. informa aos seus acionistas, clientes e ao mercado em geral que sua controlada indireta Ágora Corretora de Títulos e Valores Mobiliários S.A. assumirá, em até 120 dias, as operações de clientes pessoas físicas e jurídicas não institucionais da Bradesco S.A. Corretora de Títulos e Valores Mobiliários.

Bradesco anuncia lucro líquido de R$ 17,7 bi no ano

No período de 1º de janeiro a 30 de setembro de 2019, o Banco Bradesco registrou um Lucro Líquido Contábil de R$ 17,7 bilhões, equivalente a R$ 2,20 por ação e rentabilidade anualizada de 18,8% sobre o Patrimônio Líquido médio. 

Bradesco aprova dividendos extraordinários

O Banco Bradesco anunciou que foi aprovada a proposta da Diretoria para pagamento, aos acionistas da Sociedade, de dividendos extraordinários, à conta de reservas de lucros, no valor total de R$8.000.000.000,00, sendo R$0,948654134 por ação ordinária e R$1,043519547 por ação preferencial, nos termos do Fato Relevante divulgado em 7.10.2019.

Bradesco divulga proposta de pagamento de dividendos

A Diretoria do Banco Bradesco decidiu submeter ao Conselho de Administração, que deliberará, em reunião a ser realizada em 17.10.2019, proposta para pagamento de dividendos extraordinários, à conta de reservas de lucros existentes, no valor total de R$8.000.000.000,00, sendo R$0,948654134 por ação ordinária e R$1,043519547 por ação preferencial.

Bradesco paga JCP intermediários no dia 15 de julho

O Conselho de Administração do Banco Bradesco S.A., em reunião nesta sexta-feira (28), aprovou proposta da Diretoria para pagar juros sobre o capital próprio intermediários, relativos ao primeiro semestre de 2019, no valor total de R$ 1.455.000.000,00, sendo R$ 0,172536471 por ação ordinária e R$ 0,189790118 por ação preferencial.

Serão beneficiados os acionistas que estiverem inscritos nos registros da Sociedade nesta data (data de declaração e data-base de direito), passando as ações a ser negociadas “ex-direito” aos juros intermediários a partir de 1º.7.2019.

O pagamento dos juros sobre o capital próprio intermediários:
a) ocorrerá pelo valor líquido de R$0,146656000 por ação ordinária e R$0,161321600 por ação preferencial, já deduzido o Imposto de Renda na Fonte de 15% (quinze por cento), exceto para os acionistas pessoas jurídicas que estejam dispensados da referida tributação, que receberão pelo valor declarado;

b) será efetuado em 15.7.2019 da seguinte forma:
- aos acionistas com ações depositadas na Sociedade e que mantêm os dados cadastrais e bancários atualizados, mediante crédito a ser efetuado nas contas correntes em instituição financeira por eles indicadas; e

- aos acionistas com ações depositadas na B3 S.A. - Brasil, Bolsa, Balcão, por intermédio das instituições e/ou corretoras que mantêm suas posições em custódia.

Os acionistas que não possuírem seus dados atualizados deverão apresentar-se na agência Bradesco de sua preferência, munidos de CPF, RG e comprovante de residência, para atualização cadastral e recebimento dos respectivos valores a que têm direito.

Os juros sobre o capital próprio intermediários aprovados representam, aproximadamente, 10 vezes o valor dos juros sobre o capital próprio mensalmente pagos, líquidos de imposto de renda na fonte, e serão computados no cálculo dos dividendos obrigatórios do exercício previstos no estatuto social.

(Redação - Investimentos e Notícias)

Assinar este feed RSS