Crescimento do setor de serviços foi generalizado, diz MUFG

Nesta terça-feira, 14, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou os dados sobre o setor de serviços brasileiro. De acordo com os números, em novembro de 2019, com ajuste sazonal, o setor mostrou ligeira variação negativa (-0,1%) frente ao mês anterior, após crescimento acumulado de 2,2% entre setembro e outubro.

  • Publicado em Economia

Setor de serviços varia -0,1% em novembro de 2019

Em novembro de 2019, na série com ajuste sazonal, o setor de serviços no Brasil mostrou ligeira variação negativa (-0,1%) frente ao mês anterior, após crescimento acumulado de 2,2% entre setembro e outubro, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na série sem ajuste sazonal, contudo, o total do volume de serviços avançou 1,8% em novembro de 2019 frente a igual mês do ano anterior, alcançando a terceira taxa positiva consecutiva.

  • Publicado em Economia

Confiança de Serviços encerra 2019 em trajetória ascendente

O Índice de Confiança de Serviços (ICS), da Fundação Getulio Vargas, subiu 1,1 ponto em dezembro, para 96,1 pontos, o maior nível desde fevereiro de 2019 (96,5). Em médias móveis trimestrais, o índice avançou 0,7 ponto, mantendo a tendência ascendente iniciada em julho deste ano.

  • Publicado em Economia

Setor de serviços cresce 0,8% em outubro

Em outubro de 2019, o volume de serviços no Brasil teve crescimento de 0,8% frente a setembro, na série livre de influências sazonais, registrando, assim, a segunda taxa positiva seguida e um ganho acumulado de 2,2% nesse período, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 

  • Publicado em Economia

Crescimento do setor de serviços perde impulso em novembro

Os dados de novembro mostraram um resfriamento no setor de serviços do Brasil, com uma expansão mais branda nas entradas de novos trabalhos restringindo o crescimento da produção e dos empregos, segundo dados do Markit Economics. Contudo, o grau de otimismo em relação aos negócios para as perspectivas de atividade daqui a doze meses se fortaleceu e atingiu um recorde de alta de três meses. Com relação aos preços, houve aumentos mais brandos nos custos tanto de insumos quanto de produção na metade do último trimestre do ano.

  • Publicado em Economia

Confiança de serviços avança em novembro, mostra FGV

A Fundação Getulio Vargas anunciou que o Índice de Confiança de Serviços (ICS) subiu 1,4 ponto em novembro, para 95,0 pontos, maior nível desde fevereiro deste ano (96,5). Em médias móveis trimestrais, o índice cresceu 0,9 ponto no mês.

  • Publicado em Economia

Setor de serviços cresce 1,2% em setembro

Em setembro de 2019, o setor de serviços no Brasil teve crescimento de 1,2% frente a agosto, na série com ajuste sazonal, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na série sem ajuste sazonal, em relação a setembro de 2018, o volume de serviços subiu 1,4%, quinta taxa positiva não sequencial no ano. O acumulado no ano foi de 0,6%. Em termos trimestrais, observou-se crescimento de 0,6% no terceiro trimestre deste ano, quinto resultado positivo seguido neste tipo de confronto, com ganho de dinamismo frente a abril-junho de 2019 (0,1%), todas as comparações contra iguais períodos do ano anterior. O acumulado nos últimos 12 meses, ao passar de 0,6% em agosto para 0,7% em setembro de 2019, assinalou ligeiro ganho de ritmo.

  • Publicado em Economia

Setor de serviços varia –0,2% em agosto

Em agosto de 2019, o setor de serviços variou -0,2% em relação ao mês anterior (série com ajuste sazonal), após avançar 0,7% em julho, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na comparação com agosto de 2018 (série sem ajuste sazonal), o setor recuou 1,4%, quarta taxa negativa não sequencial deste ano.

  • Publicado em Economia
Assinar este feed RSS