Empresários do comércio paulistano estão menos confiantes

Economia brasileira em crescimento acanhado e volume de vendas insatisfatório fizeram a confiança dos empresários do comércio paulistano cair pela quarta vez seguida em junho. O Índice de Confiança dos Empresários do Comércio (ICEC), da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), ficou em 101,1 pontos - ao recuar 3,5% em relação a maio. Com esse desempenho, atingindo o pior patamar desde março de 2011, quando a série de pesquisas foi iniciada, o indicador se aproxima de nível de percepção pessimista - abaixo de cem pontos.

Copa do Mundo impacta atividade do comércio em junho

A Serasa Experian anunciou nesta quinta-feira, 03, que houve uma queda de 3,2% no movimento dos consumidores nas lojas de todo o país em junho (comparativamente a maio/14), já descontados os fatores sazonais. De acordo com o Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio, foi uma desaceleração em relação do que foi observado em maio, quando a alta mensal (comparativamente a abril) havia sido de 0,6%. Na comparação com junho de 2013, a alta foi de 0,7%, menor que os 5,2% atingidos em maio. Com estes resultados, o movimento dos consumidores no comércio acumulou, no período de janeiro a junho de 2014, alta de 3,6% em relação ao mesmo período do ano passado.

Confiança do Comércio apresenta queda no trimestre

Pelo quarto mês consecutivo, o Índice de Confiança do Comércio (ICOM) da Fundação Getulio Vargas apresenta tendência de queda, considerando-se a base de comparação interanual. No trimestre findo em junho, o ICOM variou -6,4% em relação ao mesmo período do ano passado, a maior queda desde dezembro de 2011, quando havia registrado taxa de -6,8%. Nos meses anteriores, as variações interanuais trimestrais foram de -3,1%, em abril, e -4,4%, em maio.

Gastos de brasileiros no exterior registram recorde em maio

Os gastos de brasileiros no exterior registraram novo recorde em maio. De acordo com dados do Banco Central (BC), no mês passado essas despesas chegaram a US$ 2,266 bilhões, o maior resultado para o período já verificado pelo BC. Em maio de 2013, os gastos somaram US$ 2,221 bilhões.

14 milhões de Brazucas devem ser comercializadas durante a Copa

A Adidas planeja vender um total de mais de 14 milhões de Brazucas, a bola oficial da Copa do Mundo da FIFA em pleno andamento no Brasil, anunciou nesta terça-feira, 24. Isto representa um milhão a mais do que durante a Copa do Mundo de 2010, o ano em que o grupo vendeu 13 milhões de exemplares da bola oficial, batizada "Jabulani", declarou seu presidente Herbert Hainer durante uma coletiva de imprensa em Herzogenaurach.

Nível de estoques do comércio tem leve melhora em junho

A percepção dos empresários do varejo da região metropolitana de São Paulo em relação aos estoques de suas lojas melhorou em junho, em relação a maio. É o que revela o crescimento de 0,9% do indicador que mede o nível de satisfação sobre estoques, divulgado mensalmente pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP). No entanto, ao atingir os 114,2 pontos - em uma escala de zero (inadequação total) a 200 pontos (adequação total) -, o índice ficou 4,4% abaixo do registrado no mesmo mês do ano passado.

Assinar este feed RSS