Sondagens mostram recuperação da confiança empresarial

A prévia extraordinária das Sondagens de agosto da Fundação Getulio Vargas (FGV IBRE) sinaliza indicadores caminhando em sentidos opostos no mês. Em relação ao número final de julho, o Índice de Confiança Empresarial (ICE) cresceria 5,8 pontos, para 93,3 pontos. Já o Índice de Confiança do Consumidor (ICC) recuaria 3,0 pontos, para 75,8 pontos.

Confiança empresarial subiu 7,1 pontos em julho

O Índice de Confiança Empresarial (ICE) da Fundação Getulio Vargas (FGV IBRE) subiu 7,1 pontos em julho, para 87,5 pontos. Após a terceira alta seguida, o índice recupera 79% das perdas ocorridas no bimestre março-abril, embora ainda se mantenha em nível historicamente baixo.

194.882 empresas foram criadas no Brasil em abril

O Indicador de Nascimento de Empresas da Serasa Experian revela que, em abril deste ano, 194.882 novas empresas foram criadas no Brasil. Destas, 84,7% fazem parte da categoria de microempreendedores individuais (MEIs), maior resultado desde fevereiro de 2019. 

Confiança Empresarial deverá avançar em julho

A prévia extraordinária das Sondagens da Fundação Getulio Vargas (FGV IBRE), com dados coletados até o dia 14 deste mês, sinaliza avanço de todos os índices de confiança em julho de 2020. Em relação ao número final de junho, o Índice de Confiança Empresarial (ICE) cresceria 7,3 pontos, para 87,7 pontos. Já o Índice de Confiança do Consumidor (ICC) subiria 4,8 pontos, para 75,9 pontos.

Brasil cria 889 mil empresas no primeiro trimestre

A criação de novas empresas bateu recorde no primeiro trimestre deste ano, segundo a Serasa Experian. Dados do Indicador de Nascimento de Empresas apontam que foram registrados 889.003 novos empreendimentos no acumulado dos três primeiros meses deste ano, o maior número observado para o período desde 2010, início da série histórica da companhia. O volume constatado no primeiro trimestre de 2020 é 17,1% superior ao de igual período de 2019, quando 759.257 novas empresas haviam sido abertas. 

BNDES investe em fundo que apoia empresas de médio porte

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) divulgou hoje (6), no Rio de Janeiro, que irá, com um aporte de até R$ 300 milhões em fundo de investimento, apoiar empresas de médio porte. A estimativa é que, com a participação de outros investidores institucionais, o fundo apoie os negócios de quatro a seis empresas brasileiras, com potencial de geração de empregos no país.

Pedidos de recuperação judicial caem 8,7% em maio

Os pedidos de recuperação judicial no Brasil tiveram queda de 8,7% em maio, em relação ao perído de 2019, quando 103 empresas haviam entrado com requisições. Na comparação com abril deste ano, que registrou 120 solicitações, houve uma retração de 21,7% nos pedidos.

Assinar este feed RSS