Selic não traz prejuízo ao mercado imobiliário, diz Abrainc

A Abrainc (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias) considera que a decisão de hoje, 17/3, do Copom (Comitê de Política Monetária) do Banco Central de aumentar a taxa básica de juros (Selic) de 2% para 2,75% ao ano não traz prejuízos ao processo de retomada do mercado imobiliário, que vem ocorrendo desde o segundo semestre do ano passado, após ter sofrido um impacto inicial por conta da pandemia.

BC mantém taxa básica de juros em 2,00% ao ano

O Banco Central anunciou hoje, 20, que o Comitê de Política Monetária (Copom) decidiu, por unanimidade, manter a taxa básica de juros em 2,00% a.a. O Comitê entende que essa decisão reflete seu cenário básico e um balanço de riscos.

  • Publicado em Economia

BC mantém a taxa básica de juros em 2,00% ao ano

O Comitê de Política Monetária (Copom) decidiu, por unanimidade, manter a taxa básica de juros em 2,00% a.a. Segundo o BC, a decisão reflete seu cenário básico e um balanço de riscos, considerando que no cenário externo, a forte retomada em alguns setores produtivos parece sofrer alguma desaceleração, em parte devida à ressurgência da pandemia em algumas das principais economias.

  • Publicado em Economia
Assinar este feed RSS