Confiança do Consumidor aumenta em agosto

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) da Fundação Getulio Vargas avançou 1,1 ponto em agosto, para 89,2 pontos, o maior valor desde abril desse ano (89,5 pontos). Em médias móveis trimestrais o indicador registrou alta de 0,9 ponto após cinco quedas consecutivas, quando acumulou perda de 7,5 pontos.

Expectativa de Inflação dos Consumidores recua em agosto

A expectativa mediana dos consumidores para a inflação nos 12 meses seguintes recuou 0,2 ponto percentual, de 5,3% em julho para 5,1% em agosto, segundo dados da Fundação Getulio Vargas (FGV). Em relação ao mesmo mês do ano anterior houve queda de 0,6 p. p.

Confiança do Consumidor recua em julho

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) da Fundação Getulio Vargas recuou 0,4 ponto em julho, para 88,1 pontos mantendo-se em nível baixo em termos históricos. Em médias móveis trimestrais o indicador registrou a quinta queda consecutiva, acumulando perda de 7,5 pontos.

Recuperação de crédito do consumidor cai 3,1% em junho

O indicador de recuperação de crédito – obtido a partir da quantidade de exclusões dos registros de inadimplentes da base da Boa Vista – registrou queda de 3,1% em junho contra maio, já descontados os efeitos sazonais. Na comparação com junho de 2018, houve diminuição de 6,6%, de forma que, no ano o indicador acumula queda de 7%.

Confiança do Consumidor cai 2,9 pontos em maio

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) da Fundação Getulio Vargas recuou 2,9 pontos em maio para 86,6 pontos. Após a quarta queda consecutiva, o índice acumula perda de 10 pontos e chega ao menor nível desde outubro de 2018 (85,4 pontos).

Queda na confiança do consumidor abala humor do empresário

A segunda queda consecutiva na confiança do consumidor em abril (-3%) já reflete a tendência de confiança, até então alta, do empresário do comércio (-1,2%), ocasionando uma desaceleração dos investimentos futuros e das contratações de novos funcionários (-2,1%). Para a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), o atual momento é o mais crítico desde agosto de 2018, deixando os comerciantes alertas.

Confiança do consumidor cai 1,4 ponto em abril

O Índice Nacional de Expectativa do Consumidor (INEC) caiu 1,4 ponto em abril na comparação com dezembro de 2018, último mês em que a Confederação Nacional da Indústria (CNI) havia divulgado o indicador. O índice recuou de 49,8 para 48,4 pontos, distanciando-se da linha divisória de 50 pontos – qualquer pontuação acima desse patamar aponta confiança no consumidor e abaixo desse nível indica falta de confiança.

Assinar este feed RSS