Em 2017, Schultz fatura 11% a mais que o ano anterior

Apesar da crise econômica brasileira e da lenta recuperação do mercado turístico no País, a Schultz, marca do turismo reconhecida por oferecer produtos e soluções para toda a cadeia produtiva da indústria, fechará 2017 com faturamento 11% superior ao ano anterior. Em 2016, a empresa faturou um total de R$ 121 milhões, entre as suas seis unidades de negócios (Schultz Operadora, TZ Viagens, Vital Card, Schultz Vistos Consulares, TZ Seguros, TZ Systems). Para este ano, a expectativa é registrar um faturamento de R$ 135 milhões.

Inadimplência entre as empresas se mantém elevada

Estudo da Serasa Experian revela que, em novembro de 2017, o número de Micro e Pequenas Empresas em situação de inadimplência chegou a 4.905.980, o maior número registrado desde março de 2016, quando o levantamento passou a ser feito. Em relação a novembro de 2016, o aumento foi de 11,1%.

Pontualidade de pagamentos das empresas recua em novembro

A pontualidade de pagamentos das micro e pequenas empresas atingiu 95,3% em novembro/17, menor que os 95,8% verificados em outubro/17. Na comparação com o mesmo mês do ano passado (novembro/16), a pontualidade de pagamentos das micro e pequenas empresas ficou no mesmo patamar (95,3%). Isto significa que, em novembro/17, a cada 1.000 pagamentos realizados, 953 foram quitados à vista ou com atraso máximo de sete dias. É o que aponta o Indicador de Pontualidade das Micro e Pequenas Empresas da Serasa Experian.

Número de novos MEIs chega a 1,5 milhão

Entre janeiro e outubro de 2017, surgiram no país 1.502.010 microempreendimentos individuais (MEIs), 78,6% do total de 1.911.524 novas empresas constituídas no período. Os números são os maiores já apurados pelo Indicador Serasa Experian de Nascimentos de Empresas para os dez primeiros meses do ano. A quantidade de novos MEIs também é 11,7% superior ao registrado entre janeiro e outubro de 2016, quando 1.344.539 novas empresas desse segmento nasceram.

Pontualidade de pagamentos das empresas fica estável

A pontualidade de pagamentos das micro e pequenas empresas atingiu 95,8% em outubro/17, mesmo patamar verificado em setembro/17. Isto significa que, no mês passado, a cada 1.000 pagamentos realizados, 958 foram quitados à vista ou com atraso máximo de sete dias. É o que aponta o Indicador de Pontualidade das Micro e Pequenas Empresas da Serasa Experian.

Número de recuperações judiciais cai 10,2% em novembro

De acordo com Indicador Serasa Experian de Falências e Recuperações, em novembro foram requeridos 106 pedidos de recuperações judiciais, queda de 10,2% em relação a novembro de 2016. Em relação a outubro deste ano, os pedidos caíram 2,8%. As micro e pequenas empresas lideraram os requerimentos de recuperação judicial em novembro de 2017, com 72 pedidos, seguidas pelas médias (20) e pelas grandes empresas (14).

Assinar este feed RSS