Força Sindical diz que redução na Selic foi tímida

A Força Sindical divulgou uma nota repercutindo a redução da taxa Selic anunciada pelo Copom (Comitê de Política Monetária) ontem, 18. Segundo a instituição a redução foi bastante tímida e política econômica do país está "estrangulando a produção e a geração de postos de trabalho".

  • Publicado em Economia

Sindicatos criticam possível decisão da GM de sair do Brasil

A Força Sindical anunciou que repudia a decisão da GM, divulgada na última sexta-feira (18).

Na ocasião, a General Motors enviou um comunicado aos seus funcionários, assinado pelo presidente da empresa no Mercosul, Carlos Zarlenga, onde coloca que a situação da empresa “é crítica” e que eles estudam a possibilidade de sair do Brasil e da América do Sul.

 

Manter juros altos inibe os investimentos, diz Força Sindical

O excesso do conservadorismo do Copom (Comitê de Política Monetária), que, novamente, manteve a taxa Selic em patamar elevado, reafirma que este governo presta um desserviço à classe trabalhadora e à sociedade brasileira ao apostar todas as suas fichas, mais uma vez, no fraco desempenho da economia.

  • Publicado em Economia

Aécio visita Força Sindical e se compromete a construir creches em todo o país

O candidato à Presidência da República, Aécio Neves, do PSDB, falou hoje (19) que construirá 6 mil creches em todo o país para compensar o que não foi feito durante a gestão do governo atual e prometido pela presidenta e candidata à reeleição Dilma Rousseff. Durante participação no 6º Coletivo da Mulher Metalúrgica, promovido pela Força Sindical, na capital paulista, Aécio disse que também vai ampliar a idade para permanência das crianças na creche.

Assinar este feed RSS