China e EUA chamam a atenção dos investidores

  •  
China e EUA chamam a atenção dos investidores (Foto: Divulgação) China e EUA chamam a atenção dos investidores

As principais bolsas de valores globais apresentam perdas nesta manhã de quarta-feira, 04, refletindo novamente o acirramento das tensões comerciais entre os Estados Unidos e a China.

Ásia

Na Ásia, as principais bolsas fecharam o pregão no campo negativo, com exceção de Tóquio, cujo índice ficou praticamente estável.

Vale destacar que ontem, 03, a China anunciou retaliações contra 106 produtos norte-americanos, o que agravou a percepção de risco em torno das relações comerciais. 

Europa

Enquanto isso, na Europa, as bolsas apresentam perdas nesta manhã.

Entre os dados locais, o índice de inflação ao consumidor (CPI) acelerou na comparação interanual, passando de 1,1% em fevereiro para 1,4% em março, de acordo com dados divulgados há pouco pela Eurostat.

EUA

Em Wall Street, o indicador futuro das bolsas norte-americanas aponta para uma abertura em campo negativo.

Brasil

Aqui no Brasil, os agentes acompanharão o noticiário local e a tendência dos mercados internacionais.

Agenda

O Índice FipeZap - que acompanha o preço de venda de imóveis residenciais em 20 cidades brasileiras - encerrou o mês de março com nova estabilidade (-0,02%). Considerando-se a inflação esperada de 0,15% para março, segundo o Boletim Focus do Banco Central. Com base nos três primeiros meses de relativa estabilidade nos preços nominais, o Índice FipeZap acumula queda real de 0,84% em 2018.

Política

O Supremo Tribunal Federal (STF) retoma hoje o julgamento do habeas corpus no qual a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tenta impedir eventual prisão após o fim dos recursos na segunda instância da Justiça Federal.

Dólar

Por fim, no mercado de câmbio, o dólar se recupera ante as principais moedas dos países emergentes e deprecia ante o iene.