Atividade econômica tem quinta queda consecutiva

  •  
Atividade econômica tem quinta queda consecutiva (Foto: Divulgação) Atividade econômica tem quinta queda consecutiva

O Indicador Serasa Experian de Atividade Econômica (PIB Mensal) de agosto de 2014, na comparação com agosto do ano passado, registrou recuo de 0,6% na atividade econômica, a quinta queda interanual consecutiva. Na análise com julho de 2014, o índice avançou 0,2% em agosto de 2014, já efetuados os devidos ajustes sazonais. No acumulado dos primeiros oito meses de 2014, a atividade econômica registrou expansão de apenas 0,3%.

De acordo com os economistas da Serasa Experian, o fraco desempenho da atividade econômica em agosto é decorrente de um quadro conjuntural adverso que vem prevalecendo já há alguns meses sobre a economia brasileira, caracterizado por: taxas de juros elevadas, inflação escapando do limite superior da meta, reduzido grau de confiança tanto de empresários quanto de consumidores e desaceleração do crescimento econômico mundial.

Pelo lado da oferta agregada, a indústria subindo 1,2% puxou para cima o resultado da atividade econômica em agosto/14. O mesmo fez o setor de serviços, porém em menor escala, já que seu avanço foi de apenas 0,1%. Na direção contrária, tivemos o recuo de 0,9% na atividade do setor agropecuário.

Do ponto de vista da demanda agregada, os investimentos crescendo 1,8% e as importações (que entram com sinal negativo) recuando 2,7%, exerceram impacto positivo sobre a atividade econômica em agosto/14. O consumo das famílias manteve-se estagnado em agosto/14 na comparação com julho/14. O consumo do governo recuou 0,2% frente a julho/14 e as exportações caíram 6,8% em agosto/14 perante o mês imediatamente anterior.

(Redação – Agência IN)