Cesta básica de SP tem alta de 3,86% em 2016

  •  
Cesta básica de SP tem alta de 3,86% em 2016 Foto: Divulgação

Pesquisa da Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Governo do Estado de São Paulo, constatou que o valor da cesta básica paulistana do ano de 2016 apresentou alta de 3,86%. O levantamento, feito em convênio com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), revela que o preço médio passou de R$ 646,18 em 30/12/2015 para R$ 671,13 em 29/12/2016. A pesquisa constatou que todos os grupos apresentaram elevações de preços: Alimentação (3,77%), Limpeza (4,11%) e Higiene (4,68%).

Em 2016, a maioria dos alimentos componentes da Cesta Básica apresentou aumento nos preços médios. As cinco maiores variações foram encontradas na margarina (31,97%), farinha de mandioca (31,89%), queijo muçarela (23,46%), alho (23,38%) e linguiça (19,49%). Entretanto, as quedas da batata (-46,58%) e da cebola (-51,36%) foram expressivas.

Embora alguns produtos apresentem variações acentuadas, quer sejam positivas ou negativas, nem sempre repercutem da mesma forma no valor da Cesta Básica, pois a eles estão associadas às quantidades e os pesos que representam em sua composição.

(Redação - Agência IN)