Consumo de energia da Energisa cresce 3,7% em março

  •  
Consumo de energia da Energisa cresce 3,7% em março (Foto: Divulgação) Consumo de energia da Energisa cresce 3,7% em março

A Energisa S/A sagrou-se vencedora de dois lotes no Leilão de Transmissão nº 5/2016, realizado ontem, dia 24/04/2017. Os lotes de números 3 e 26 foram arrematados pela Companhia, com deságio de 37,6% e 29,6%, respectivamente, e preveem investimentos de R$ 625,1 milhões.

O resultado favorável deste leilão permitirá a diversificação de risco do portfólio da Energisa, com rentabilidade adequada, consolidando o seu modelo de negócios através de investimentos que proporcionem sinergias entre seus ativos. A administração da Energisa acredita que o sucesso demonstrado no turnaround de distribuidoras, associado com a experiência na construção de projetos relevantes no setor elétrico, será determinante para execução e operação dos referidos empreendimentos.

Visando o reforço de capital de giro e redução de custo financeiro, as controladas Energisa Sergipe (ESE) e a Energisa Paraíba (EPB) captaram R$ 155,0 milhões em Notas Promissórias, em duas séries. A emissão da ESE alcançou R$ 90,0 milhões, sendo R$ 9,0 milhões da 1ª série, com vencimento em 08/04/2018, e R$ 81,0 milhões da 2ª série, com vencimento em 03/04/2019. A emissão da EPB montou a R$ 65,0 milhões, sendo R$ 6,5 milhões da 1ª série, com vencimento em 08/04/2018, e R$ 58,5 milhões da 2ª série, com vencimento em 03/04/2019. As Notas têm data de emissão de 13/04/2017 e fazem jus a uma remuneração CDI + 1,65% a.a.

Com sinais de melhoria no cenário macroeconômico, o consumo de energia do Grupo Energisa no mercado cativo e livre mostrou crescimento de 3,7% em março, influenciado pelo aumento das vendas de energia elétrica em todas as regiões aonde o Grupo atua, exceto na região Norte, com a ETO, cujo consumo foi afetado, principalmente, pelas temperaturas mais amenas e alto índice pluviométrico no mês. 

Destaque para o consumo médio das sete distribuidoras da região Sul/Sudeste, com aumento de 7,6%. 
No 1º trimestre de 2017, o consumo de energia elétrica no mercado cativo e livre (7.372,4 GWh) do Grupo Energisa apresentou, no 1º trimestre de 2017, aumento de 2,2% em relação ao mesmo período do ano anterior. Considerando o fornecimento não faturado, o volume passa para 7.392,2 GWh, o que significa um aumento de 3,0% em relação ao mesmo trimestre de 2016. Em decorrência, em parte, das migrações de consumidores do mercado cativo, o mercado livre (TUSD) apresentou com crescimento de 34,6% no consumo. Já o consumo no mercado cativo (6.244,8 GWh) mostrou queda de 2,0% no trimestre, impactado pelas referidas migrações. 

Destaque no trimestre para o consumo de energia no mercado cativo mais livre na região Nordeste, com aumento médio de 3,3% nas distribuidoras, influenciado pelas vendas da Energisa Borborema (+9,2%). Também se destacou no período, o consumo no Centro-Oeste, da Energisa Mato Grosso do Sul, com aumento de 4,5%, em relação ao mesmo trimestre do ano anterior. Na região Sul/Sudeste, todas as sete distribuidoras apresentaram aumento de consumo, com destaque para a Bragantina (+4,7%), CFLO (+3,3%) e EMG (+2,5%).

(Redação - Agência IN)