Cremer fecha 1T15 com receita líquida de R$ 199,9 mi

  •  
O EBITDA registrou R$ 27,0 milhões, Foto: Divulgação O EBITDA registrou R$ 27,0 milhões,

A Cremer S.A. (BM&FBovespa: CREM3), fornecedora de produtos para cuidados com a saúde nas áreas de primeiros socorros, cirurgia, tratamento e higiene, anuncia seus resultados do primeiro trimestre de 2015.

 

As informações contábeis intermediárias consolidadas da Companhia foram elaboradas de acordo com as Normas Internacionais (“IFRS”) emitidas pelo International Accounting Standards Board (“IASB”) e também de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil, baseadas na Lei das Sociedades por Ações e nas regulamentações da CVM (“BR GAAP”).

A Receita Líquida foi de R$ 199,9 milhões, 37,7% acima do 1T14. Já o Lucro Bruto foi de R$ 61,2 milhões, 27,0% acima do 1T14; Margem Bruta de 30,6%, 2,6 p.p. abaixo do 1T14.

O EBITDA registrou R$ 27,0 milhões, 36,0% acima do 1T14, com Margem EBITDA de 13,5%, 0,2 p.p.
abaixo do 1T14. O Lucro Líquido de R$ 9,2 milhões, foi 71,3% acima do 1T14 e a Margem Líquida de 4,6%, 0,9 p.p. acima do 1T14.

O Consumo de caixa operacional registrou R$ 53,0 milhões e o CAPEX foi de R$ 2,3 milhões. Já o Ciclo de caixa operacional de 74,0 dias, fechou com um aumento de 7,8 dias vs. 1T14

A Dívida líquida foi R$ 252,1 milhões ou 2,40x o EBITDA dos últimos 12 meses. Em abril a empresa resgatou antecipadamente a 1ª emissão de Notas Promissórias Comerciais, no valor de R$ 51,7 milhões e concluiu a 2ª emissão de Notas Promissórias Comerciais, no valor de R$ 75 milhões, prazo de até 360 dias, taxa de CDI + 0,53% a.a.

Em março ela abriu um novo programa de recompra de ações, para uma quantidade máxima de 50.499 ações. Até o dia 17 de abril, recomprou 27.228 ações, equivalente ao preço médio de R$ 16,56.

(Redação  Agência IN)