Dívida externa bruta totaliza US$338,6 bilhões em setembro

  •  
Dívida externa bruta totaliza US$338,6 bilhões em setembro (Foto: Divulgação) Dívida externa bruta totaliza US$338,6 bilhões em setembro

O Banco Central divulgou nesta sexta-feira, 24, que a posição da dívida externa bruta estimada para setembro totalizou US$338,6 bilhões, elevação de US$5,4 bilhões em relação à posição de junho de 2014. A dívida externa estimada de longo prazo atingiu US$288,2 bilhões, redução de US$2,6 bilhões, enquanto o endividamento de curto prazo somou US$50,4 bilhões, aumento de US$8 bilhões em relação ao estoque do segundo trimestre de 2014.

Dentre os determinantes da variação da dívida externa de longo prazo no período, merecem destaque as emissões líquidas de títulos de longo prazo efetuadas pelo governo, US$2,5 bilhões, as amortizações líquidas de títulos realizadas pelo setor bancário, US$3,8 bilhões, desembolsos líquidos de empréstimos e financiamentos recebidos pelo setor não financeiro, US$1,3 bilhão, e variação por paridades, que reduziu o estoque em US$3,1 bilhões. A variação da dívida externa de curto prazo no período é explicada por empréstimos de curto prazo tomados pelo setor financeiro e não financeiro, US$6,7 bilhões e US$1 bilhão, respectivamente.

(Redação – Agência IN)