Fazenda deflagra operação Olho Vivo de combate à sonegação de impostos

  •  
 Fisco apura irregularidades em 15 alvos na região da rua Santa Ifigênia que registraram movimentações suspeitas no total de R$ 45 milhões Foto: Divulgação Fisco apura irregularidades em 15 alvos na região da rua Santa Ifigênia que registraram movimentações suspeitas no total de R$ 45 milhões

A Secretaria da Fazenda deflagrou nesta segunda-feira (10/10) a operação Olho Vivo, estruturada para apurar irregularidades na emissão de documentos fiscais no valor total de R$ 45 milhões e constituição de empresas de fachada para simular operações.

Na ação, foram mobilizados 16 agentes fiscais de rendas da Delegacia Regional Tributária da Capital II (DRTC-II). As equipes realizaram diligências para apurar operações suspeitas em 15 alvos na região da rua Santa Ifigênia, importante centro de comércio de produtos eletroeletrônicos da Capital paulista.

Neste trabalho de investigação, foram detectados indícios de comercialização de mercadorias sem o recolhimento do ICMS devido por substituição tributária em operação anterior. Há suspeitas de que as mercadorias estejam sendo comercializadas sem o pagamento dos impostos devidos ao Estado.

A Fazenda apura também suspeitas de que foram utilizados “sócios-laranjas” no quadro empresarial, hipótese em que são indicadas pessoas interpostas como se fossem proprietários para tentar ocultar os verdadeiros donos na tentativa de se eximir de suas responsabilidades.

(Redação - Agência IN)