Fitch confirma nota da Grécia e aponta possibilidade de default

  •  
Fitch confirma nota da Grécia e aponta possibilidade de default Foto: Divulgação Fitch confirma nota da Grécia e aponta possibilidade de default

A agência de classificação Fitch confirmou nesta sexta-feira a nota "CCC" da Grécia, mas afirmou que o risco de moratória da sua dívida "é uma possibilidade real".

"O não acesso ao mercado (da dívida), as perspectivas duvidosas sobre o pagamento em dia das ajudas por parte das instituições oficiais, assim como a escassa liquidez do setor bancário nacional coloca, as finanças do governo grego sob extrema pressão", considera a Fitch.

"Esperamos que o governo grego sobreviva à atual pressão sem se atrasar (nos pagamentos) junto ao setor privado, mas o default é uma possibilidade real", diz a agência.

Em março, a Fitch havia baixado para "CCC" a nota soberana da dívida da Grécia, citando "os altos riscos" sobre a situação financeira do país.

Posteriormente, as negociações entre Atenas e seus credores oficiais (UE, BCE e Fundo Monetário Internacional) ficaram estagnadas, enquanto a situação financeira do governo de esquerda do Syriza se agravou.

"Os danos causados à confiança dos investidores, os consumidores e os credores fizeram que a recuperação da economia grega descarrilasse e será preciso tempo para remediá-la, inclusive se as perspectivas de uma conclusão positiva do programa melhorarem nas próximas semanas", considera a Fitch.

A agência prevê um crescimento nulo e inclusive negativo para a economia grega neste ano e pressões sobre a liquidez das empresas em razão dos atrasos nos pagamentos por parte do Estado e às pressões sobre o financiamento dos bancos.

A Fitch estima, contudo, um possível acordo entre a Grécia e seus credores, pediram a Atenas medidas legislativas que lhe permitam receber novos fundos.

"Não obstante, as reformas não foram ainda objeto de um acordo e os prazos se reduzem", adverte a agência.

(Redação com AFP - Agência IN)