Impostômetro da ACSP registra R$ 800 bi nesta sexta-feira

  •  
Impostômetro da ACSP registra R$ 800 bi nesta sexta-feira Foto: Divulgação Impostômetro da ACSP registra R$ 800 bi nesta sexta-feira

O Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) registrará a marca de R$ 800 bilhões nesta sexta-feira (22/05), às 12h45. Em 2014, o mesmo montante foi alcançado em 31 de maio, indicando aumento na carga tributária brasileira.

"Os cidadãos e as empresas estão sobrecarregados com o peso dos impostos, que ainda são mais onerados pela burocracia que eles geram, criando mais controles e representando custos adicionais para todos os contribuintes", observa Alencar Burti, presidente da ACSP e da Facesp (Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo).

"É preciso dar um basta na política de aumentar tributos sempre que o governo se depara com a necessidade de recursos. As empresas e as famílias não agem dessa maneira. Buscam na racionalização e no corte de gastos o restabelecimento do equilíbrio quando enfrentam aumento de despesas", defende Burti. "É esse o caminho - o da racionalização - que o governo deve procurar seguir no ajuste fiscal. E não o caminho pautado em aumentar ainda mais os impostos", finaliza o presidente.

A previsão da ACSP é de que, no fim de 2015, o Impostômetro bata recorde e ultrapasse R$ 2 trilhões. Localizado no prédio da Associação, no centro da capital paulista - uma das regiões mais movimentadas da cidade -, o Impostômetro tem o objetivo de conscientizar e alertar a população sobre o alto valor que ela paga em impostos, taxas e contribuições.

(Redação- Agência IN)