Localiza encerra 2017 com lucro de R$ 563,4 milhões

  •  
Localiza encerra 2017 com lucro de R$ 563,4 milhões Foto: Divulgação Localiza encerra 2017 com lucro de R$ 563,4 milhões

Maior rede de aluguel de carros da América do Sul, a Localiza divulgou nesta quinta-feira (8) os resultados financeiros referentes ao quarto trimestre de 2017 (4T17) e os resultados consolidados de 2017. 

Num ano marcado pela aquisição da operação da Hertz no Brasil, a Localiza encerra o ano com receita líquida de R$ 6,1 bilhões, um crescimento de 36,5% em relação a 2016 e com lucro líquido de R$ 563,4 milhões (+37,6%). Foram mais de 90 mil carros vendidos e a frota fechou o ano com um total de mais de 194 mil carros, incluindo franqueados.

"Os resultados do ano de 2017 mostram que foram acertadas as metas ousadas que nos impusemos. Mesmo em um cenário macroeconômico adverso e em um ambiente concorrencial muito competitivo, crescemos muito e nos distanciamos ainda mais dos nossos concorrentes, sempre com rentabilidade. Além disso, adquirimos e consolidamos a operação da Hertz no Brasil" destaca o CFO da Localiza, Roberto Mendes.

Em 2017, a rede de agências próprias foi ampliada em 51 agências, totalizando 384 unidades contra 333 ao final de 2016. As novas agências incluem as franquias integradas no ano de 2017 e 7 agências que pertenciam à Hertz, as quais passaram a operar como Localiza Hertz. Ao final de 2017, o sistema Localiza possuía 588 agências, sendo 517 no Brasil e 71 em outros 6 países da América do Sul. Já a rede de Seminovos foi ampliada de 84 unidades em 2016 para 99 unidades em 2017.

Receita Líquida e EBTIDA
No 4T17, a receita líquida consolidada apresentou crescimento de 38,6% quando comparada ao 4T16. As receitas líquidas de aluguéis apresentaram aumento de 36,7%, sendo 44,5% na Divisão de Aluguel de Carros e 19,6% na Divisão de Gestão de Frotas. A receita líquida do Seminovos no 4T17 cresceu 40,0% quando comparada a 4T16, devido ao crescimento de 25,0% no volume de vendas e de 12,9% no preço médio dos carros vendidos.

Em 2017, a receita líquida consolidada cresceu 36,5%, quando comparada ao 2016. A receita líquida de aluguéis apresentou aumento de 24,3%, sendo 29,4% na Divisão de Aluguel de Carros e 13,9% na Divisão de Gestão de Frotas. A receita líquida de Seminovos em 2017 cresceu 47,3% quando comparada a 2016, devido ao crescimento de 32,3% no volume de vendas e de 11,4% no preço médio dos carros vendidos.

No 4T17, o EBITDA consolidado recorrente totalizou R$386,3 milhões, 42,6% acima do mesmo período do ano anterior. A margem EBITDA recorrente da Divisão de Aluguel de Carros ficou em 37,1% no 4T17, um aumento de 5,6 p.p em relação ao 4T16, devido principalmente ao ganho de escala pelo forte ritmo de crescimento, mesmo em um contexto de tarifas médias um pouco mais baixas.

Na Divisão de Gestão de Frotas, a margem EBITDA ficou em 58,3% no 4T17, menor em 5,5p.p. quando comparada ao 4T16. A menor margem EBITDA reflete principalmente a queda na taxa de juros e depreciação, repassados para o preço dos novos contratos dessa Divisão e o impacto da entrada dos contratos da Hertz.

A margem EBITDA do Seminovos no 4T17 foi de 5,1%, praticamente estável quando comparado com o 4T16.

Lucro líquido
O Lucro Líquido recorrente do 4T17 foi recorde pelo terceiro trimestre consecutivo, totalizando R$ 174,5 milhões, um aumento de 67,1% em relação ao 4T16. No ano de 2017, o lucro líquido recorrente foi também recorde, no montante de R$563,5 milhões, crescimento de R$37,6% em relação ao ano anterior.

(Redação - Investimentos e Notícias)