Lucro líquido da Arezzo&Co cresce 54,5% no 4T17

  •  
Lucro líquido da Arezzo&Co cresce 54,5% no 4T17 Foto: Divulgação Lucro líquido da Arezzo&Co cresce 54,5% no 4T17

O lucro líquido da Arezzo&Co, líder no setor de calçados, bolsas e acessórios femininos, apresentou crescimento de 54,5% no último trimestre de 2017, quando comprado aos mesmos três meses do ano anterior, atingindo R$ 55,3 milhões. A companhia alcançou, em 2017, a marca de 12,1 milhões de pares de sapatos vendidos (expansão de 7,1% em relação ao ano anterior) e de 1,2 milhão de bolsas (crescimento de 14,4% comparativamente a 2016), resultando em um faturamento de R$ 1,68 bilhão, aumento de 8% em relação à 2016.

A companhia teve como principais iniciativas no ano o lançamento do projeto light de franquias da Arezzo, o desenvolvimento da operação nos EUA, a expansão mais acelerada da marca Alexandre Birman, a reformulação do conceito de loja da Schutz e o amadurecimento da Fiever na categoria de tênis.

No quarto trimestre de 2017, a Arezzo&Co apresentou receita líquida de R$ 363,6 milhões no mercado interno, crescimento de 7,3% sobre o mesmo período do ano anterior, com destaque para as marcas Anacapri, Alexandre Birman e Arezzo que apresentaram crescimento de 26,1%, 42,5% e 8,2%, respectivamente. Considerando as cinco marcas do grupo (Arezzo, Schutz, Anacapri, Alexandre Birman e Fiever), a companhia aumentou em 5,8% sua área de lojas por conta de 53 aberturas líquidas no ano. A Arezzo&Co encerrou o período com 611 lojas monomarca, entre franquias e lojas próprias, no Brasil e no exterior.

Como principais destaques financeiros do trimestre, a companhia alcançou lucro bruto de R$ 169,6 milhões, com crescimento de 10,7%. O EBITDA atingiu o patamar de R$ 54,5 milhões, com aumento de 1,1%. O lucro líquido, de R$ 55,3 milhões, foi impactado pela obtenção de liminar que prevê a exclusão do recolhimento de IR (Imposto de Renda) e do CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido) sobre incentivo fiscal relativo ao ICMS, benefício adquirido em março de 2016 por meio da operacionalização do Centro de Distribuição no Espírito Santo.

Investimentos em inovação, tecnologia e gente têm se mostrado acertados. As vendas pelo canal webcommerce em 2017 cresceram 19,3% e responderam por 8,5% do faturamento total da companhia. "Acreditamos que ao investir em inovação, desenvolvemos iniciativas e projetos ágeis para antecipar o futuro, trazendo novas soluções e avenidas de crescimento", afirmou o diretor Financeiro e de Relações com Investidores, Daniel Levy.

Em fevereiro de 2018, a companhia lançou sua sexta marca, a OWME, após um ano de pesquisas quantitativas e qualitativas. "A marca tem estilo atemporal e busca atender uma demanda crescente das consumidoras por sapatos confortáveis, mas bonitos para todas as ocasiões de uso", disse o CEO da Arezzo&Co, Alexandre Birman. Entre os diferenciais de produto, estão as palmilhas elásticas, saltos mais grossos e estáveis, forros que garantem melhor respiro à pele, além de solas antiderrapantes e flexíveis, reforçando a segurança. A marca iniciou suas vendas pelo canal multimarcas e deverá abrir sua primeira loja ainda no primeiro semestre.

(Redação - Investimentos e Notícias)