Lucro Líquido da Celesc cresce no 1T20

  •  
Lucro Líquido da Celesc cresce no 1T20 (Foto: Pexels) Lucro Líquido da Celesc cresce no 1T20

O EBITDA e o Lucro Líquido da Celesc apresentaram respectivamente alta de 37,9% e 98,2% no primeiro trimestre de 2020, totalizando R$ 286,7 milhões e R$144 milhões.

A Receita Operacional Líquida totalizou R$ 2,1 bilhões, refletindo o desempenho das subsidiárias Celesc D e G e Participações.

O PMSO totalizou R$ 212,3 milhões no 1T20, uma redução de 0,9%, quando comparado ao 1T19, em decorrência das ações da empresa para reduzir as despesas.

As despesas não gerenciáveis, custos com energia elétrica, reduziram 4,1% no trimestre.

O Investimento Consolidado de R$129,8 milhões, sendo R$125,8 milhões na subsidiária Celesc D e R$ 4,0 milhões na subsidiária Celesc G.

A Dívida Líquida Consolidada de R$1.272,9 milhões, equivalendo a 1,3x o EBITDA Ajustado12M e 0,8x o Patrimônio Líquido.

Por fim, o desempenho negativo de 7,58% no trimestre (8,87% em doze meses) na CLSC4, isso se deve, fundamentalmente, da aversão ao risco no mercado financeiro no Brasil e nas principais economias no mundo provocado pela epidemia do COVID19.

(Redação – Investimentos e Notícias)