Queda do petróleo pode impulsionar economia mundial, diz FMI

  •  
Queda do petróleo pode impulsionar economia mundial, diz FMI Divulgação Queda do petróleo pode impulsionar economia mundial, diz FMI

A queda dos preços do petróleo pode dar um impulso à economia mundial e sustentar sua recuperação, que ainda é desigual e submetida a riscos geopolíticos, avaliou na quarta-feira (12) o Fundo Monetário Internacional (FMI) em nota publicada dias antes da reunião do G20.

"Mesmo sendo muito cedo para se identificar os fatores sobre oferta e procura, a recente queda nos preços do petróleo pode promover o crescimento mundial se persistir", destaca o FMI.

O preço do petróleo caiu consideravelmente desde setembro e fechou nesta quarta-feira, em Londres, em seu nível mais baixo em quatro anos, a 80,38 dólares o barril do Brent. O mercado em Nova York seguiu a mesma tendência, concluindo o pregão a 77,18 dólares para o "light sweet crude"

"Os baixos preços do petróleo terão impactos diferentes ao redor do mundo, aliviando a pressão sobre os importadores (...) mas provocando novos riscos para os países produtores", diz a nota publicada em razão da reunião de chefes de estado do G20, prevista para sábado e domingo, em Brisbane (Austrália).

No mesmo documento, o FMI admite que "tensões geopolíticas crescentes e com potenciais correções sobre os mercados financeiros, sobre tudo devido à normalização da política monetária, são os principais riscos a curto prazo".

(Redação com AFP - Agência IN)