Rimini Street registra lucro líquido de US$ 4,1 mi no 2T19

  •  
Rimini Street registra lucro líquido de US$ 4,1 mi no 2T19 Foto: Divulgação

A Rimini Street, Inc. (Nasdaq: RMNI), - provedora global de produtos e serviços de software empresarial, líder na oferta de suporte independente para softwares Oracle e SAP e parceira Salesforce -, anunciou os resultados financeiros registrados no segundo trimestre de 2019, encerrado em 30 de junho.

A empresa registrou no trimestre receita de US$ 68 milhões, alta de 8,5% em relação aos US$ 62,6 milhões no mesmo período do ano passado.

A margem bruta foi de 63,2%, acima dos 58,4% registrados no mesmo período de 2018. Foram contabilizados 1.896 clientes ativos em 30 de junho de 2019, um aumento de 17% em comparação com os = 1.622 em 30 e junho de 2018.

A receita anualizada de contratos foi de aproximadamente US$ 270 milhões no segundo trimestre de 2019, aumento de 10% em comparação aos US$ 246 milhões no mesmo período do ano passado.

A taxa de retenção de receita foi de 91,7% para os 12 meses encerrados em 30 de junho de 2019, em comparação com 93,2% para o mesmo período encerrado em 30 de junho de 2018.

O lucro operacional foi de US$ 5,2 milhões no segundo trimestre de 2019, comparado a um prejuízo operacional de US$ 6 milhões no segundo trimestre de 2018. Já a receita operacional não-GAAP foi de US$ 6,4 milhões para o segundo trimestre de 2019, ante os US$ 4,2 milhões no mesmo período do ano passado.

O lucro líquido foi de US$ 4,1 milhões para o segundo trimestre de 2019, ante um prejuízo líquido de US$ 25,4 milhões no mesmo período de 2018. Enquanto o Lucro Líquido Não-GAAP foi de US$ 5,3 milhões, em comparação com um Prejuízo Líquido Não-GAAP de US$ 7,8 milhões no mesmo período do ano passado.

O EBITDA ajustado para o segundo trimestre de 2019 foi de US$ 6,5 milhões, comparado aos US$ 3,8 milhões no mesmo período de 2018.

Além disso, a empresa anunciou um prejuízo líquido de US$ 0,03 por ação ordinária no segundo trimestre de 2019, comparado a um prejuízo líquido de US$ 0,43 por ação no mesmo período do ano anterior.

Outros destaque da companhia:

Anunciou que a BrandSafway, que vem usando o suporte da Rimini Street para produtos Oracle desde 2014, estendeu os serviços contratados, incluindo o AMS da Rimini Street para o Salesforce;

Investimentos e expansão de operações em regiões importantes em todo o mundo, incluindo:
- Europa Oriental, iniciando vendas na Polônia e aumentando ainda mais sua presença na Rússia;
- América Latina, lançando uma nova subsidiária e abrindo um novo escritório no México;
- Sudeste da Ásia, lançando uma nova subsidiária em Cingapura, a nomeação de Andrew Seow como gerente geral regional do Sudeste Asiático e da Grande China e abertura de um novo escritório em Cingapura;

Mais de 8.000 casos de suporte concluídos, com uma média geral de 4.8 na satisfação do cliente (em que 5.0 é excelente);

Forneceu mais de 7.000 atualizações fiscais, legais e regulatórias para clientes em nível global, para produtos PeopleSoft, JD Edwards, SAP e Oracle E-Business Suite;

A vice-presidente sênior de Integração com Clientes Globais da Rimini Street, Nancy Lyskawa, foi eleita a executiva do ano pelo Stevie Award na categoria Ouro;

Participou de 28 eventos voltados a CIOs, CFOs e líderes de TI, incluindo Gartner Symposium em Toronto no Canadá, Landmark Ventures CIO Summit em Nova York, CFO.org em Atlanta e Dallas, e Gartner na Conferência de Infraestrutura de TI, Operações e Cloud Strategies na Cidade do México.

(Redação - Investimentos e Notícias)