Exportações de carne iniciam 2018 animadoras para o setor

As exportações brasileiras de carne bovina in natura iniciam 2018 com resultados animadores para o setor. Segundo dados da Secex, o volume embarcado em janeiro (99,5 mil toneladas) e a receita em dólar (US$ 425,82 milhões) são os mais elevados desde 2014. Ainda que a quantidade embarcada tenha caído 8,3% frente à de dezembro, subiu 14,22% em relação à de janeiro/17. Em 2017, os embarques brasileiros surpreenderam, e esse cenário se deve especialmente às vendas a Hong Kong e à China. 

Em ano difícil, exportações de boi surpreendem

As dificuldades e os desafios enfrentados pelo setor pecuário foram muitos em 2017. Dentre eles, pesquisadores do Cepea destacam a operação “Carne Fraca”, deflagrada em março, e a delação da maior indústria frigorífica brasileira, que resultou em forte redução da compra de animais por parte desse grande player. Esse cenário reduziu as vendas, especialmente no primeiro semestre. 

Vendas de carne de frango se enfraquecem em dezembro

As vendas envolvendo a carne de frango estão lentas neste mês, com liquidez um pouco maior apenas para alguns cortes, como a asa e a tulipa, de acordo com colaboradores do Cepea – vale ressaltar que dezembro é um mês que tipicamente as negociações diminuem, devido à concorrência com outras proteínas natalinas. 

Aumento na procura por carne elevam preços

A menor oferta de animais prontos para o abate e a demanda mais aquecida por carne, cenário típico neste período do ano, têm elevado os preços do boi gordo no mercado interno no correr de dezembro – vale ressaltar que o aquecimento na demanda por carnes também tem resultado em aumentos nas cotações dos cortes acompanhados pelo Cepea. 

Rússia suspende importações de carne bovina do Brasil

A Minerva anunciou que o serviço de fiscalização veterinária e fitossanitária da Rússia (Rosselkhoznadzor) informou a suspenção temporariamente as importações de carne bovina do Brasil, ainda não confirmada pelo Ministério da Agricultura do Brasil.

Brasil abre mercado do Japão para carne bovina

O Japão vai permitir a importação de carne bovina brasileira, informou o vice-ministro de Assuntos Internacionais do Ministério da Agricultura, Florestas e Pesca do país asiático, Hiromichi Matsushima, ao ministro Blairo Maggi (Agricultura, Pecuária e Abastecimento). Em encontro que os dois tiveram em Cancún (México), durante a COP 13, a Conferência da Biodiversidade, Blairo Maggi reforçou que a OIE (Organização Internacional de Saúde Animal) reconhece a sanidade no Brasil como “excelente”.

Blairo Maggi negocia venda de carne para Coreia do Sul

O ministro Blairo Maggi (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) considerou positivo o saldo da sua visita a Seul, na Coreia do Sul, que terminou nessa quarta-feira (7). Ele conseguiu do vice-ministro da Agricultura, Lee Jun-won, a promessa de que o processo para a aprovação da importação da carne suína de Santa Catarina seja concluído no início do próximo ano, quando técnicos do governo coreano deverão vir ao Brasil para uma série de visitas técnicas as frigoríficos. O mercado da Coreia do Sul é de 50 milhões de consumidores.

Assinar este feed RSS