Para Cemec, debêntures 476 devem continuar ganhando espaço

Grande parte das empresas brasileiras, em especial pequenas, médias e aquelas que não têm capital aberto, ainda não acessa o mercado de dívida para se financiar. No entanto, para Carlos Rocca, professor do Centro de Estudos de Mercados de Capitais (Cemec), esse cenário tende a mudar ao longo dos próximos anos.

Assinar este feed RSS