Vendas no varejo crescem 3% em maio, revela MasterCard

As vendas do comércio varejista brasileiro cresceram 3,8% em maio de 2014 em relação ao mesmo período do ano anterior, segundo dados da MasterCard. O resultado foi impulsionado por três setores principais que tiveram crescimento acima das vendas totais: artigos farmacêuticos, de combustíveis e de construção. A média de expansão dos últimos três meses (março, abril e maio ) foi de 5,3%, ligeiramente abaixo do primeiro trimestre deste ano (janeiro, fevereiro e março) que foi 5,9%.

Venda de artigos relacionados à Copa não satisfaz comerciantes

Nem todos os comerciantes da capital federal estão satisfeitos com as vendas de artigos relacionados à Copa do Mundo, nos primeiros dez dias do Mundial. Enquanto as vendas dobraram em lojas de materiais esportivos, comerciantes da Rodoviária do Plano Piloto dizem que venderam bem menos que o esperado.

Intenção de consumo das famílias tem novo recorde negativo

O atual cenário socioeconômico, com baixo crescimento, aliado à persistente alta da inflação foram os principais motivos que resultaram no pior nível histórico do Índice de Intenção de Consumo das Famílias (ICF) na cidade de São Paulo, chegando ao patamar de 113,6 pontos. O indicador da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) recuou 5,1% em maio em relação ao mês anterior. Se comparado com o mesmo período de 2013, a queda foi ainda maior, de 11,4%.

Copa eleva vendas de TV no Brasil

Um levantamento realizado pela GfK aponta que a partir da segunda quinzena de maio de 2014 a venda de TVs no Brasil registrou um crescimento semanal acima de 60% em relação a igual período do ano passado. 

Turistas devem movimentar R$ 6,7 bilhões no país

O Ministro do Turismo, Vinicius Lages, anunciou nesta terça-feira, 17, que estima-se que 3,7 milhões de turistas movimentem R$ 6,7 bilhões no país e mobilize cerca de 200 mil trabalhadores temporários durante o Mundial. Enquanto a bola estiver rolando em campo, 3,6 bilhões de expectadores, quase metade da população da Terra, deve acompanhar pela TV, internet, celular e demais dispositivos eletrônicos o torneio esportivo mais popular do planeta.

Alta carga tributária nos produtos da festa junina pesa no bolso do brasileiro

A tradicional comemoração das festas juninas vem carregada de tributos, que estão embutidos no preço dos principais quitutes consumidos nesta época: equivale a 61,56% do preço quentão, 36,54% da pipoca ou do pé de moleque; 35,38% da canjica e 24,07% do pinhão, conforme pesquisa do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação – IBPT.

Superávit em junho soma US$ 1,563 bilhão

Nos dez dias úteis de junho (1° a 15), as exportações brasileiras somaram US$ 10,026 bilhões, com média diária de US$ 1,002 bilhão, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Pela média, o resultado é 5,1% menor que o registrado no mesmo mês do ano passado (US$ 1,056 bilhão).

Assinar este feed RSS