Faturamento do comércio eletrônico paulista atinge R$ 4,19 bilhões no 3T17

O comércio eletrônico paulista registrou faturamento real (já descontada a inflação) de R$ 4,19 bilhões no terceiro trimestre de 2017, alta de 19,2% na comparação com os R$ 3,51 bilhões registrados no mesmo período de 2016. É a maior cifra registrada para o período desde o início da série histórica, em 2013. No acumulado dos 12 meses - após encerrar 2016 com uma queda de 1,4% -, o faturamento do setor cresceu de modo acelerado no período e registrou alta de 6,9%. É o que aponta a pesquisa da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), realizada por meio do seu Conselho de Comércio Eletrônico em parceria com a Ebit.

Faturamento do setor de serviços cresce 12,8% em novembro, aponta FecomercioSP

Pelo 11º mês consecutivo, o faturamento real do setor de serviços na cidade de São Paulo apresentou alta no comparativo anual. Em novembro, as receitas atingiram R$ 24,8 bilhões, aumento de 12,8% em relação ao mesmo mês do ano passado, o que representa R$ 2,8 bilhões a mais em vendas. É a segunda maior cifra registrada em um mês de novembro pelo setor de serviços paulistano desde o início da série histórica da pesquisa, em 2010. No acumulado do ano, o faturamento real cresceu 5,9%, chegando a R$ 261,2 bilhões. No acumulado dos últimos 12 meses, a alta nas receitas foi de 5,3% - quinto resultado positivo consecutivo, depois de um período de 22 meses registrando quedas.

Faturamento de farmácias cresce 12,8% nos dez primeiros meses de 2017

O mercado farmacêutico apresentou um expressivo crescimento nos dez primeiros meses de 2017 e as farmácias filiadas à Federação Brasileira das Redes Associativas de Farmácias (Febrafar) mostraram resultados ainda mais interessantes, já projetando a continuidade desses resultados em 2018.

  • Publicado em Saúde

Faturamento da Farmarcas se aproxima de R$ 1 bi em 2016

A administradora de redes de farmácias Farmarcas está comemorando os excelentes resultados de 2016. O faturamento das mais de 550 farmácias que fazem parte das redes associadas atingiu o valor de R$ 938 milhões ante faturamento de R$ 546 milhões em 2015. Com isso, a administradora atingiu um crescimento orgânico de venda líquida de 71,7%.

Faturamento da Farmarcas fecha 2016 em R$ 938 mi

A administradora de redes de farmácias Farmarcas está comemorando os excelentes resultados de 2016. O faturamento das mais de 550 farmácias que fazem parte das redes associadas atingiu o valor de R$ 938 milhões ante faturamento de R$ 546 milhões em 2015. Com isso, a administradora atingiu um crescimento orgânico de venda líquida de 71,7%.

Faturamento da LORD cresceu 15% em 2016

Fabricante de adesivos estruturais e coatings de alta performance, a LORD, subsidiária local da norte-americana LORD Corporation, registrou alta de 15% no faturamento de 2016.

 

Shopping Centers faturam R$157,9 bilhões em 2016

Os shopping centers já não são mais apenas locais de compras, eles se tornaram centros de lazer e entretenimento. Essa tendência visa a atrair ainda mais os consumidores para os empreendimentos, que faturaram R$ 157,9 bilhões em 2016, segundo a Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce). A entidade realiza todo ano o Censo Abrasce, pesquisa detalhada sobre o setor, que conta com a participação dos mais de 500 shoppings em operação no país.



Faturamento da indústria cresce 4,5% em novembro

A indústria brasileira registrou aumento de 4,5% no faturamento real e de 0,7% nas horas trabalhadas em novembro na comparação com outubro. As informações foram divulgadas hoje (13), em Brasília, na pesquisa Indicadores Industriais, da Confederação Nacional da Indústria (CNI). Os dados são dessazonalizados, ou seja, ajustados para o período em que foram coletados.

 

Assinar este feed RSS