Venda de medicamentos atinge R$ 2,3 bi de janeiro a maio

  •  
Venda de medicamentos atinge R$ 2,3 bi de janeiro a maio Foto: Divulgação Venda de medicamentos atinge R$ 2,3 bi de janeiro a maio

Nos primeiros cinco meses de 2018, segundo a Associação Brasileira de Distribuição e Logística de Produtos Farmacêuticos (Abradilan), entidade que reúne 142 empresas distribuidoras de medicamentos e produtos de higiene pessoal e cosméticos, a venda de medicamentos e não medicamentos cresceu 7,4% e fechou em R$ 2,3 bilhões, contra R$ 2,1 bilhões do mesmo período de 2017. Em unidades, entre janeiro e maio deste ano, foram comercializadas 428 mil, acréscimo de 3,2% em relação à temporada passada, que fechou com 414,1 mil. Os dados são da IQVIA, empresa que é fruto da fusão entre IMS Health e Quintiles, a pedido da Abradilan.

O balanço dos últimos 12 meses também é muito positivo. Entre maio de 2017 e maio de 2018, as vendas totalizaram R$ 5.456 bilhões, 9,3% mais do que mesmo período comparativo do ano anterior, quando chegaram a R$ 4.990 bilhões. Em unidades foram comercializadas 1.031 bilhão em 2018 e 970,5 milhões em 2017.

Na distribuição de segmentos dos produtos na Abradilan em maio, que sofreu uma pequena retração de 0,6%, com R$ 483,8 milhões em negócios gerados, o destaque fica por conta dos medicamentos genéricos e similares, que chegam a representar 42,4% das vendas. Em unidades, o percentual é um pouco maior, 43,9%. Ainda em maio, a pesquisa apontou que os associados da Abradilan atingem 84% das cerca de 77 mil farmácias no Brasil em 2018.

(Redação - Investimentos e Notícias)