Chia ajuda no combate do diabetes e prevenção de doenças

  •  
Chia ajuda no combate do diabetes e prevenção de doenças Foto: Divulgação Chia ajuda no combate do diabetes e prevenção de doenças

Um estudo do Departamento de Alimentos e Nutrição da Unicamp, em Campinas (SP), revelou os benefícios da fruta contra o câncer, diabetes e, pela primeira vez, descobriu a possibilidade de enfrentar o Alzheimer. Segundo os pesquisadores, a chia tem um poder antioxidante, que possibilita a prevenção do envelhecimento precoce das células.

A pesquisa começou há quatro anos e revelou que o tanto o consumo da semente quanto do óleo de chia, apresentam um efeito anti-inflamatório além de reduzir os níveis de colesterol em torno de 30% a 40% e de aumentar a concentração de ômega 3 em ratos magros e obesos.

Segundo o professor do Departamento de Alimentos e Nutrição, Mário Maróstica, o estudo mostrou que, além de reduzir a quantidade de açúcar no sangue, a chia previne doenças cardiovasculares, pois está relacionada à redução dos radicais-livres. De acordo com a Unicamp, a pesquisa, publicada em revistas científicas internacionais, é também a primeira que mostra o poder antioxidante da semente no organismo dos animais.

Benefícios da chia no dia a dia

Para a nutricionista comportamental, Patrícia Cruz, a chia é fonte de fibras solúveis e insolúveis e tem um elevado valor proteico, além do ômega 3, do cálcio e sódio. “São contribuições importantes para a saúde do organismo daqueles que fazem consumo da fruta”, diz.

No caso, o ômega 3 presente na chia apresenta capacidade anti-inflamatório e antioxidante que tem ação preventiva contra alguns tipos de cânceres. Alguns estudos mostram relação inversa entre o consumo de ômega 3 e o câncer de mama e intestino.

Outra relação que pode ser feita é a presença de fibras solúveis e insolúveis que atuam tanto no controle glicêmico quanto na saciedade, o que auxilia no controle do peso ou em dietas de redução de peso. “A obesidade está relacionada ao surgimento do diabetes tipo 2 e alguns tipos de cânceres como de mama e endométrio. Portanto, a ingestão de chia ajuda nesse sentido.” – afirma a nutricionista.

Chia no controle do diabetes

A chia traz benefícios para quem possui diabetes por ser rica em fibras, quando presente na refeição lentifica a absorção do carboidrato presente. Assim, a chia evita picos hiperglicêmicos e controla melhor as taxas de açúcar no sangue. “Numa salada de frutas salpicada com sementes de chia, a frutose (carboidrato da fruta) é absorvida lentamente. Esse é o principal objetivo no tratamento dietoterápico do diabetes.” – explica Patrícia.

Consumo da chia

Patrícia ensina que a quantidade de chia consumida diariamente depende da quantidade diária de fibras já consumidas na dieta diariamente. A recomendação de fibras é em média 35g/dia. “1 colher (sopa) de chia apresenta em média 5,0 g. Por ter um valor calórico considerável, o mais indicado é manter no máximo 1 colher (sopa)/dia ou também vai depender do valor calórico desejado na dieta habitual. Os estudos ainda não são claros em relação a quantidade diária.” – ressalta.

A chia pode ser consumida em semente ou farinha. Ela pode ser adicionada em salada de frutas, folhas, iogurtes, em receitas de bolos, massas, mingaus, pães, sucos, pois seu consumo é bem versátil.

(Redação - Agência IN)