Captação de leite recuou em janeiro

Após altas consecutivas desde maio do ano passado, a captação de leite pelas indústrias/cooperativas acompanhadas pelo Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP, recuou em janeiro. O principal motivo foi a falta de chuvas nas regiões produtoras do Sudeste e Centro-Oeste na virada do ano. Ainda assim, o preço ao produtor se manteve em queda em fevereiro. A variação, contudo, foi pequena, o que pode sinalizar mudança de tendência nos próximos meses.

Receita da Piá cresceu 8,7% em 2014

Em um ano em que a cadeia do leite gaúcha enfrentou a sua pior crise em 50 anos, a Cooperativa Piá registrou um crescimento de 8,7%, chegando a R$ 653 milhões, contra os R$ 600,6 milhões obtidos em 2013. Segundo o presidente da cooperativa, Gilberto Kny, o segredo está no incentivo aos produtores da cooperativa, que recebem toda a assistência técnica e a garantia de compra, com valores bem acima da média estabelecida pelo Conseleite (Conselho Estadual do Leite). Em 2014, por exemplo, a Piá passou em média R$ 0,10 a mais por litro aos seus produtores.

Alckmin assina decreto que desonera a indústria do leite

O governador Geraldo Alckmin assinou na segunda-feira, 15, o decreto que reduz a zero o valor da taxa de defesa agropecuária recolhida por litro de leite entregue em usina de beneficiamento. “Não queremos onerar nenhum tipo de alimento que seja ligado à agropecuária ou agroindústria. Nós queremos reduzir o custo Brasil, a carga tributária, além de desburocratizar e melhorar a qualidade do leite”, ressaltou Alckmin durante a solenidade.

                             

Aquisição de leite aumenta no 2º trimestre

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta quinta-feira, 18, que no  2º trimestre de 2014 foram adquiridos, pelas indústrias processadoras de leite, 5,785 bilhões de litros do produto, indicativo de aumento de 8,4% sobre o 2º trimestre de 2013 e queda de 6,5% sobre o 1º trimestre de 2014. A industrialização, por sua vez, foi de 5,761 bilhões de litros ou o mesmo que 8,2% de aumento sobre o mesmo período de 2013 e queda de 6,6% sobre o volume registrado no 1º trimestre de 2014.

Preço do leite segue estável pelo 3º mês seguido

Mesmo com o aumento na produção, o preço do leite pago ao produtor seguiu estável no mercado nacional pelo terceiro mês consecutivo. O valor médio do leite em agosto, de R$ 1,0119/litro (líquido – sem frete e impostos), foi apenas 0,08% inferior ao de julho, mas 6,11% abaixo do de agosto/13, em termos reais (descontando-se a inflação – IPCA de julho/14), na “média Brasil”. O preço bruto (inclui frete e impostos) foi de R$ 1,0978/litro em agosto, pequeno recuo de 0,14% em relação a julho e 4,9% inferior ao de agosto/13, em termos reais. Estas médias são calculadas pelo Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP, e ponderadas pelo volume captado nos estados da BA, GO, MG, PR, RS, SC e SP, em julho/14. No geral, a estabilidade nos valores ainda é reflexo da demanda pouco aquecida pelos derivados lácteos em grande parte das regiões acompanhadas pelo Cepea.
Quanto à produção de leite, o Índice de Captação de Leite do Cepea (ICAP-L/Cepea) teve alta de 3,8% de junho para julho/14 e de expressivos 12,77% em relação a julho/13. De acordo com colaboradores consultados pelo Cepea, as condições climáticas favoráveis nas regiões Sul e Nordeste, o período de safra sulista e investimentos realizados por produtores no correr do ano influenciaram esse aumento na produção.

Produção de leite cresce 8,9% no 1º trimestre, aponta IBGE

A produção de leite no país cresceu 8,9% no primeiro trimestre deste ano, em comparação aos primeiros três meses do ano passado, atingindo 6,2 bilhões de litros de leite cru. Quando comparado ao último trimestre do ano passado, no entanto, o resultado aponta queda de 5,5%.

Assinar este feed RSS