Empresa russa InfoWatch busca expansão na América Latina através do Brasil

  •  
Empresa russa InfoWatch busca expansão na América Latina através do Brasil Divulgação

Uma das principais fornecedoras globais de sistemas de prevenção de perda de dados (DLP), a empresa russa InfoWatch prevê crescimento no mercado. Em média, são gastos R$ 793 milhões por ano para reparar os danos causados com vazamento de dados.

A companhia anunciou o início de suas operações no Brasil por meio de parceiros comerciais. O país vem a ser o primeiro na América Latina a ter representação da empresa que é responsável pela atuação de mais de 50% do mercado russo de segurança da informação. Pars (Sonos Group) e Esyword são as organizações autorizadas a comercializar os produtos no Brasil.
O projeto de ampliação da InfoWatch no mercado latino-americano vai ser feito a partir das atividades no país."Estamos prontos para nos expandir porque sabemos que nossas soluções estão perfeitamente alinhadas com a demanda dos clientes locais", afirma Andrey Sokurenko, Diretor de Desenvolvimento e Negócios da empresa.
De acordo com pesquisa recente conduzida pelo Ponemon Institute, as companhias instaladas no Brasil gastam cerca de R$ 793 milhões por ano para reparar prejuízos, ao passo que investem apenas R$ 117 milhões para proteger informações.

(Redação- Agência IN)