Lucro líquido da CCR atinge R$ 688,9 milhões no 1T21

  •  
Lucro líquido da CCR atinge R$ 688,9 milhões no 1T21 Foto: Divulgação

A CCR (CCRO3) reportou no primeiro trimestre um lucro líquido de R$ 688,9 milhões no critério IFRS, alta de 137,8% sobre igual intervalo de 2020.

Segundo a empresa, o crescimento expressivo do indicador se deve principalmente à resolução do acordo de reequilíbrio da concessão da ViaQuatro com o governo de São Paulo no final de março, que acabou sendo reconhecido no exercício do primeiro trimestre. Excluindo esse reconhecimento, a companhia teria apresentado uma queda de 56,5% do lucro líquido, para R$ 126 milhões.

A receita líquida da companhia foi de R$ 3,43 bilhões, alta de 44,1%, também impactada pelo reequilíbrio da ViaQuatro.

Já o Ebitda ajustado foi de R$ 2,50 bilhões de janeiro a março, avanço de 70,7% ante igual intervalo do ano passado. A margem Ebitda ajustada foi de 72,8% no primeiro trimestre, alta de 11,4 pontos porcentuais na mesma base de comparação.

Na comparação com o primeiro trimestre de 2020, período em que as restrições de circulação ainda tinham pouco impacto nos negócios, o fluxo de veículos do grupo neste ano apresentou um crescimento de 1,7%.

O lucro operacional (Ebit) ajustado foi de R$ 1,76 bilhão no primeiro trimestre, alta de 110,7% ante igual intervalo do ano passado.

A alavancagem, medida pela dívida líquida sobre o Ebitda ajustado (últimos 12 meses), fechou o primeiro trimestre em 2,4 vezes, ante 2,9 vezes em dezembro. A dívida líquida consolidada (IFRS) da holding atingiu R$ 13,6 bilhões em março de 2021. Além disso, caixa, equivalentes e aplicações financeiras do grupo alcançaram R$ 6,177 bilhões, ante R$ 6,207 bilhões em dezembro de 2020.

(Redação - Investimentos e Notícias)