NICE registra lucro líquido de US$ 45 milhões no 3T19

  •  
Receitas recorrentes atingem o valor recorde de 74% das receitas totais Foto: Divulgação Receitas recorrentes atingem o valor recorde de 74% das receitas totais

A NICE (NASDAQ: NICE) anunciou seus resultados referentes ao terceiro trimestre de 2019, que se encerrou em 30 de setembro de 2019.

De acordo com a empresa, os destaques financeiros GAAP do terceiro trimestre ficaram por conta das receitas totais que registraram aumento de 8,4%, alcançando o montante de US$ 386,3 milhões, contra os US$ 356,2 milhões registrados no mesmo período de 2018.

O lucro bruto e a margem bruta do terceiro trimestre de 2019 aumentaram para US$ 253,6 milhões e 65,7%, respectivamente, comparados a US$ 232,7 milhões e 65,3% obtidos no mesmo período do ano anterior.

Já o lucro operacional e a margem operacional atingiram US$ 55,7 milhões e 14,4%, respectivamente, comparados a US$ 46,7 milhões e 13,1% registrados em 2018.

O lucro líquido e a margem do lucro líquido, por sua vez, aumentaram para US$ 45 milhões e 11,7%, respectivamente, comparados a US$ 39,3 milhões e 11% anteriores.

Enquanto isso, a empresa também reportou alta no lucro por ação (11,3%), alcançando o montante de US$ 0,69, contra os US$ 0,62 registrados do mesmo período do ano anterior.

O fluxo de caixa operacional do 3T19 foi de US$ 82,3 milhões. No terceiro trimestre, US$ 7,9 milhões foram utilizados para recompra de ações. Sendo que até 30 de setembro de 2019, o caixa total e os equivalentes de caixa, bem como os investimentos de curto e longo prazo, eram de US$ 927,5 milhões, e as dívidas totais somavam US$ 462,6 milhões.

Já os destaques financeiros não GAAP do terceiro trimestre da companhia apresentaram receitas totais não GAAP com alta para US$ 387,1 milhões - um aumento de 7,9% em relação aos US$ 358,6 milhões registrados no mesmo período do ano anterior.

O lucro bruto não GAAP aumentou de US$ 254,7 milhões para US$ 274,4 milhões, enquanto a margem bruta não GAAP foi de 70,9%, em comparação com os 71,0% registrados no mesmo período do ano anterior.

O lucro operacional não GAAP e a margem operacional não GAAP do trimestre registraram alta para US$ 105,9 milhões e 27,4%, respectivamente, comparados aos US$ 96,7 milhões e 27,0% anteriores.

O lucro líquido não GAAP e a margem do lucro líquido não GAAP também apresentaram aumento para US$ 84,3 milhões e 21,8%, respectivamente, comparados a US$ 76,3 milhões e 21,3%, respectivamente, no mesmo período do ano anterior.

Já o lucro por ação não GAAP aumentou para US$ 1,30, ou seja, alta de 8,3% em relação aos US$ 1,20 registrados no ano anterior.

(Redação - Investimentos e Notícias)